28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Bahia - 31/08/2023, 21:53 - Da Redação

Trindade vence processos judiciais contra Neto: “Justiça foi feita"

Presidente da Conder supera o ex-prefeito de Salvador em cinco ações que corriam na Justiça

Zé Trindade, presidente da Conder, e ACM Neto, ex-prefeito de Salvador
Zé Trindade, presidente da Conder, e ACM Neto, ex-prefeito de Salvador |  Foto: Divulgação

Foi de goleada: 5 x 0. Esse é o placar da disputa entre Zé Trindade (PSB) e ACM Neto (União Brasil) que movimentou o Judiciário baiano nos últimos anos. A mais recente vitória do presidente da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder) contra o ex-prefeito de Salvador aconteceu nesta quarta-feira (30).

A 8ª Vara Estadual Criminal declarou a extinção do processo movido pelo então chefe do Executivo da capital baiana, em 2017. Neto já tinha sido derrotado em outros quatro processos.

Veja também:

'Território Santo' será oficializado em Salvador; entenda proposta

Zanin vota contra marco temporal; placar bate 4 a 2

Marcelo Nilo recebe Comenda Dois de Julho: "Jamais imaginei"

“Vencemos todas as batalhas contra o ex-prefeito, que tentou – sem sucesso silenciar a oposição e a imprensa durante sua gestão. Ele nunca soube lidar com as críticas, mas a justiça foi feita. Continuaremos fazendo oposição a essa forma de administrar a cidade”, afirmou Zé Trindade, que era vereador à época das ações movidas por ACM Neto.

Na batalha desta quarta-feira (30), a vitória do presidente da Conder foi por WO. ACM Neto não compareceu à audiência. Agora, o processo será arquivado pela Justiça. O então prefeito, em 2017, ingressou com a ação criminal contra Zé Trindade após o então vereador publicar nas redes sociais um questionamento sobre a “mágica” que Neto teria que fazer para realizar a campanha eleitoral de 2022 sem caixa 2. A postagem no Facebook foi acompanhada de uma imagem que estampava a manchete do jornal Estadão denunciando recebimento de R$ 1,8 milhão pelo ex-prefeito em dinheiro para caixa 2.

“Sempre acreditei na Justiça e encarei esses cinco processos judiciais como oportunidade para reafirmar as denúncias e críticas que fiz ao longo do meu mandato como vereador de Salvador e líder da oposição na Câmara. Como diz o nosso hino ao Dois de Julho, ‘com tiranos não combinam brasileiros corações’. Nossa indignação e o enfrentamento a esse modelo de fazer política vão se manter vivos e cada vez mais fortes”, concluiu Zé Trindade.

exclamção leia também