30º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

bicho pegou - 17/11/2023, 10:26 - Bruno Dias- Atualizado em 17/11/2023, 13:42

Após revés do Brasil, 'quebra pau' toma conta da sala de imprensa

Grupos da CBF e da Federação Colombiana de Futebol iniciaram briga por conta de patrocinadores usados nas entrevistas

Um dos membros da Federação Colombiana de Futebol chega a cair no chão
Um dos membros da Federação Colombiana de Futebol chega a cair no chão |  Foto: Reprodução / Redes Sociais @cworswick

O sentimento de indignação e revolta após o revés do Brasil para a Colômbia não ficou apenas nas arquibancadas, mas também nos bastidores da partida. Na sala da coletiva de imprensa, 'o bixo pegou' entre os staffs das duas seleções, que começaram uma discussão calorosa, com muitos gritos e empurrões.

O fato ocorreu antes do treinador Fernando Diniz se dirigir para a entrevista coletiva, no Estádio Metropolitano de Barranquilla. Em um vídeo gravado pelo jornalista Carl Worswick, membros da CBF e da Federação Colombiana de Futebol protagonizam uma discussão, trocando xingamentos e diversos empurra-empurra, com um colombiano até caindo no chão.

Leia mais

Uruguai não se intimida com Messi e 'derruba' Argentina na Bambonera

Dinizismo e Brasil caem para Colômbia, em redenção de Luis Díaz

Diniz reconhece mau momento da Seleção, mas enxerga evolução

"Não sabe receber as pessoas na sua casa, não? Você vai jogar no Brasil! Que p* é essa? Trata a gente com respeito", disparou um dos seguranças da Seleção Brasileira, pedindo respeito ao gringo.

Veja:

O alvoroço iniciou devido aos painéis de patrocinadores usados nas entrevistas. A equipe brasileira queria que a entrevista de Diniz fosse feita com o banner da CBF, mas a seleção colombiana insistia em usar o seu próprio painel.

Depois as duas comissões chegaram a um acordo de que Diniz teria duas partes na entrevista. Primeiro, ele falaria sentado, em frente ao banner com os patrocinadores da Colômbia. Depois, em pé, diante do painel com as marcas brasileiras.

exclamção leia também