31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

hablou tudo - 03/08/2023, 14:02 - Bruno Dias

Após cair da Copa, Galvão critica Seleção feminina: "Futebol pobre"

Meninas do Brasil foram eliminadas ainda na fase de grupos do Mundial

Galvão usou seu perfil nas redes sociais para se expressar
Galvão usou seu perfil nas redes sociais para se expressar |  Foto: Reprodução Instagram

A amarga eliminação sofrida pela Seleção Brasileira na Copa do Mundo feminina deixou diversos torcedores frustrados e com um gostinho de que poderia ter ido mais além. Um dos mais decepcionados foi Galvão Bueno, que utilizou do seu perfil nas redes sociais para tecer críticas ao desempenho brasileiro.

“Não há como negar, a Seleção decepcionou. Foi muito mal na Copa do Mundo e, mesmo renovada, mostrou um futebol pobre e não se classificou em um grupo que tinha Panamá e Jamaica. Infelizmente, o trabalho dessa comissão técnica não funcionou, andou para trás. Eu posso dizer isso porque acompanhei e narrei os grandes momentos do futebol feminino entre 1999 e 2008”, comentou o narrador.

Apesar das criticas, o jornalista, que já vivenciou diversos altos e baixos do Brasil em suas narrações, destacou que o momento atual é de continuar apoiando o futebol feminino. "Não é hora de atirar pedras, temos que ter carinho com elas e continuar apoiando. O futebol feminino evoluiu, é sucesso em todo o mundo. Os estádios estão cheios, as torcidas vibram e se emocionam. Quem sabe, a Seleção, com mudanças no comando, em breve volte a ter sucesso”, expressou.

Uma das personagens marcantes do Brasil no Mundial, sem dúvidas, foi a camisa 10 Marta, de 37 anos, que disputou a sua sexta e última Copa do Mundo vestindo a amarelinha. E, ao falar da craque, Galvão destacou que ela encerrou seu ciclo com a Seleção de uma maneira injustiçada. "O que me doeu mais: Marta, pelo que significou no futebol feminino, não merecia uma despedida assim”, finalizou seu discurso.

exclamção leia também