26º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

que ideia... - 06/03/2024, 13:51 - Bruno Dias e Cássio Moreira- Atualizado em 06/03/2024, 14:05

La Casa de Papel Bahia? Ladrões de banco ardilosos caíram na cadeia

Segundo o Subsecretário da SSP, criminosos foram presos com armamento pesado

Ladrões que planejavam assaltar bancos foram presos, diz Marcel de Oliveira
Ladrões que planejavam assaltar bancos foram presos, diz Marcel de Oliveira |  Foto: Rafaela Araújo / Ag. A TARDE | Divulgação / Netflix

Diferente do ditado "a vida imita a arte", desta vez a realidade foi bem diferente para criminosos que planejavam instaurar roubos a bancos inspirados na série La Casa de Papel, da Netflix. Segundo o subsecretário da SSP, Marcel de Oliveira, nenhuma ocorrência de infração contra instituições financeiras foi registrada neste início de 2024.

Em 2023, houve dez casos de ataques a bancos, enquanto nestes primeiros três meses foram reduzidos para zero. No entanto, apesar dessa queda, alguns 'maquiavélicos' ainda planejavam cometer os assaltos. Ao contrário da série, em que os bandidos se deram bem e escaparam das autoridades, no mundo real a casa caiu para os meliantes antes mesmo de começar o roubo, é o que garante Marcel.

"A gente volta a ressaltar. Foram zero eventos, mas tivemos prisões de pessoas envolvidas com esse tipo de delito anteriormente, que estava inclusive com armamento, com emulsão em gel que pode ser usado para explodir um caixa eletrônico ou para explodir um cofre de um banco. Então a gente conseguiu evitar que esses eventos acontecessem em solo baiano", afirmou o subsecretário.

Vale destacar que, como alvo das operações da SSP, um líder de facção criminosa envolvido em esquemas de assaltos a bancos foi preso na cidade de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador.

Leia mais:

Subsecretário da SSP aponta queda de roubos a bancos na Bahia este ano

SSP passa o rodo nas facções e tira 18 chefões de circulação

Comandante da PM pede ajuda do 'povão' em denúncias de crimes

De acordo com Marcel, a identificação dos casos e prisão dos suspeitos não ocorre da noite pro dia, necessitando de um longo processo de investigação e concretização do fato.

"É assim que a gente atua, diariamente, não é um evento específico, as investigações são diárias, até elas se solidificarem, para que a gente possa aprender e levar à justiça essas pessoas responsáveis por esse tipo de delito", finalizou.

Balanço

A redução dos roubos a bancos foi de 100% quando comparado com o mesmo período do ano passado. No primeiro bimestre de 2023, a Polícia registrou três crimes contra instituições financeiras.

Ações contra grupos envolvidos em ataques a bancos foram desenvolvidas no primeiro bimestre de 2024. Em janeiro, um homem apontado como líder de uma organização criminosa foi preso em Lauro de Freitas. Outros flagrantes em 2024 resultaram nas apreensões de armas e materiais explosivos.

Redução constante

Em 2023, a SSP registrou 10 roubos a bancos na Bahia, menor número apresentado nos últimos nove anos. A diminuição foi de 96,4% quando comparado com 2014 - ano com 279 ocorrências.

"Saímos de 279 ataques a bancos em 2014, para 10 ocorrências no ano passado. Seguiremos atuando com inteligência e integrando as Forças Estaduais e Federais no combate ao crime organizado", destacou o subsecretário da Segurança Pública, Marcel de Oliveira.

exclamção leia também