29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

FAMÍLIA ADDAMS - 07/03/2024, 15:13 - Pedro Moraes- Atualizado em 07/03/2024, 15:56

Cria do cão? Mãe é morta com mais de 20 facadas por filha e genro

Informações que constam no laudo apontam que a mãe tentou se defender do genro

Informações que constam no laudo apontam que a mãe tentou se defender do genro
Informações que constam no laudo apontam que a mãe tentou se defender do genro |  Foto: Montagem Portal MASSA!//Reprodução/Redes Sociais

‘Casos de família’, ‘Família Addams’, seja lá como for, um crime em família mobilizou as forças de segurança pública do estado de Alagoas. O corpo de uma mulher foi encontrado nesta terça-feira (5), malocado dentro de uma geladeira lacrada com fita adesiva. Nesse momento, os principais apontados como autores do crime são a própria filha da vítima e o genro dela.

Publicado nesta quarta-feira (6), o laudo do Instituto Médico Legal (IML) sinaliza que a mulher encontrada assassinada, na cidade de Maceió, recebeu em várias partes do corpo uma quantia superior a 20 facadas do indivíduo. Identificada com Flávia dos Santos Carneiro, a vítima tinha 43 anos de idade e tentou se defender do indivíduo.

Facadas

O corpo da mulher tinha ferimentos nos dedos da mão e arranhões no braço, de modo a indicar que ela tentou segurar a lâmina da faca para se defender.

Relacionamento

A PC-AL revelou que Flávia recusava o relacionamento da filha, de 13 anos de idade, com um homem de nove anos a mais. O casal planejava morar junto e já articula a construção de uma casa. O crime teria acontecido na última sexta-feira (1º), depois de uma briga entre os três devido a mudança.

Leia mais


‘BBB estrangeiro’: missão policial derruba GPS do tráfico em Salvador

Piloto de fuga de bonde que assaltava buzus cai na cadeia em SSA

Número de fuzis apreendidos na BA em 2024 já passa de 10; SSA lidera



Pegue a visão:


Cadeia

Nesta terça, a filha da vítima foi apresentada na delegacia por participação no crime. Em depoimento, ela pontuou que segurou a mãe pelos braços de modo a impedir que o namorado tivesse complicações durante as facadas.

Em seguida, o casal limpou a cena do crime e dormiu na residência que tinham a pretensão de residir. O cadáver ficou na geladeira por cerca de quatro dias no imóvel em que ela foi assassinada.

Namorado

O assassinato da sogra foi confessado pelo namorado, que acabou no xilindró. Além dele, o pai do jovem também foi preso por participar da ocultação do corpo.

Audiência

A prisão do suspeito e do pai dele foram mantidas após audiência de custódia ocorrida nesta quarta-feira (6).

exclamção leia também