31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Aceitou o W.O - 02/11/2022, 10:52 - Pedro Moraes- Atualizado em 02/11/2022, 11:50

Bolsonaro põe ‘fim’ às eleições ao visitar o STF

O encontro aconteceu depois do pronunciamento oficial do atual presidente do Brasil, após derrota para Lula

O encontro aconteceu depois do pronunciamento oficial do atual presidente do Brasil, após derrota para Lula
O encontro aconteceu depois do pronunciamento oficial do atual presidente do Brasil, após derrota para Lula |  Foto: Foto: Evaristo Sa/AFP

Sete ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), além da presidente da Corte, Rosa Weber, e do mandatário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Alexandre de Moraes, receberam o atual presidente da República, Jair Bolsonaro (PL). O encontro aconteceu na última terça-feira, 1°, após o pronunciamento oficial do político derrotado nas urnas no último domingo, 30 de outubro.

Em contato com a imprensa, o ministro Edson Fachin resumiu a posição de Bolsonaro no que se refere às eleições, e indicou que o gestor do Brasil empregou o verbo "acabar" no passado sobre sua campanha vivida desde 1 de janeiro de 2019, com fim previsto para acontecer no dia 31 de dezembro deste ano.

O STF informou, por meio de nota, que ressaltou a importância do reconhecimento pelo presidente do resultado da eleição, "com a determinação do início do processo de transição", além de ter evidenciado “a garantia do direito de ir e vir", sobretudo por causa dos bloqueios em rodovias.

Já a presidente do STF, Rosa Weber, e os ministros Gilmar Mendes e Luiz Fux optaram por concordar com o convite após Bolsonaro reconhecer a derrota nas eleições presidenciais para Lula. O pronunciamento do presidente teve pouco menos de 3 minutos de duração.

exclamção leia também