32º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Casamento - 24/11/2023, 16:30 - Da Redação

Guardiola ignora punições ao City e nem pensa em sair de Manchester

Mesmo com as investigações e chance iminente de punições, o técnico Pep Guardiola garantiu nesta sexta-feira (24) que não deixa os Citizens

Comandante do City evitou falar se achava correta a punição do Everton na atual edição do Campeonato Inglês
Comandante do City evitou falar se achava correta a punição do Everton na atual edição do Campeonato Inglês |  Foto: Manchester City / Divulgação

Com risco de rebaixamento até para a Quinta Divisão na Inglaterra, por conta de 115 acusações, o Manchester City assiste o Everton perder 10 pontos no Campeonato Inglês por conta de violação do Fair Play Financeiro. Mesmo com as investigações e chance iminente de punições, o técnico Pep Guardiola garantiu nesta sexta-feira (24), que não deixa os Citizens mesmo com penalizações.

"Sem dúvidas, não vou reconsiderar o meu futuro, seja aqui (no Campeonato Inglês) ou na terceira divisão. Não há qualquer chance. Há mais chance de eu ficar na terceira divisão do que conquistando a Liga dos Campeões", disse o técnico que tem contrato com o atual campeão Inglês até 2025. "Não vou pensar no meu futuro se estivermos na League One, é mais provável que fique", repetiu.

"Mas espere até que seja decidido, e então eu te direi. Não mudei minha opinião sobre as 115 acusações contra o Manchester City. Porém, você está me questionando como se tivéssemos sido punidos. No momento, somos inocentes. Somos inocentes até que se prove", disparou Pep. O comandante do City evitou se pronunciar se achava correta a punição do Everton na atual edição da Premier League por causa de problemas com o Fair Play Financeiro.

Veja também:

‘Cria’ de Messi? Saiba quem é o camisa 10 que ‘bagaçou’ o Brasil

Sede do Corinthians recebe balaços antes de jogo contra o Bahia

Bobô enaltece Confut e fica na torcida pela permanência do Bahia

"Não vou dizer uma palavra sobre o Everton porque não conheço a realidade do que aconteceu. São dois casos completamente diferentes", despistou o técnico espanhol.

exclamção leia também