31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Quebra-cabeças - 29/08/2023, 12:41 - João Grassi- Atualizado em 30/08/2023, 07:44

E agora Paiva? Confira possíveis substitutos para Cauly no Bahia

Meia se lesionou e irá desfalcar a equipe tricolor

Cauly pode desfalcar o Bahia por até quatro semanas
Cauly pode desfalcar o Bahia por até quatro semanas |  Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia e Marlon Costa/Sport

Com a confirmação da lesão de Cauly, principal articulador de jogadas do Bahia, o técnico Renato Paiva agora terá uma dor de cabeça para encontrar qual será o novo meia da sua equipe nos próximos compromissos pelo Brasileirão.

Apesar da enorme falta que o camisa 8 tricolor irá fazer, Paiva tem como trunfo a chegada de Luciano Juba e o retorno de Biel aos campos para aumentar seu leque de opções ofensivas, além de outras peças.

Veja abaixo todos os possíveis substitutos para Cauly no elenco:

Thaciano

Peça importante no elenco tricolor, Thaciano tem sido utilizado principalmente como volante ao lado de Rezende. No entanto, é um jogador bastante versátil e já atuou até como ponta-esquerda com Renato Paiva.

Thaciano marcou gol contra o Palmeiras
Thaciano marcou gol contra o Palmeiras | Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Thaciano já é familiarizado com a posição de meia, visto que já atuou nesse setor em outros clubes. Na atual temporada, ele acumula 20 jogos com dois gols e quatro assistências.

Rafael Ratão

Recém chegado ao Bahia, Ratão foi contratado com a moral de ser um jogador versátil no ataque, algo destacado pelo diretor de futebol Cadu Santoro. Com Paiva, atuou principalmente aberto pela esquerda e também como centroavante em situações de jogo.

Rafael Ratão foi apresentado como jogador versátil por Cadu Santoro
Rafael Ratão foi apresentado como jogador versátil por Cadu Santoro | Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Utilizar o atacante mais por dentro pode também ser uma opção para o treinador português. Pelo Esquadrão, ele disputou cinco jogos e marcou um gol.

Biel

Xodó da torcida tricolor e um dos principais nomes do Bahia na temporada, Biel ficou de fora dos gramados por quase três meses após sofrer uma lesão muscular. Sua volta é uma boa notícia, pois é mais um que pode aparecer no setor.

Biel é um dos destaques do Bahia em 2023
Biel é um dos destaques do Bahia em 2023 | Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Atacante de lado de origem, Biel poderia atuar como meia trocando de posição com Ratão, formando um ataque móvel e veloz. O jogador de 22 anos tem 31 jogos pelo Esquadrão, com oito gols e seis assistências.

Luciano Juba

De saída do Sport, Luciano Juba chega ao Bahia na sexta-feira (1º de setembro) e é mais uma opção que pode substituir Cauly. Apesar de também jogar aberto, Juba possui as características do autêntico meia-esquerda, um estilo de jogo diferente de atletas como Biel e Ratão.

Luciano Juba será apresentado pelo Bahia na sexta-feira (1º)
Luciano Juba será apresentado pelo Bahia na sexta-feira (1º) | Foto: Marlon Costa/Sport

Bastante polivalente, Juba já atuou como meia e tem como melhores valências o cruzamento, finalização de fora da área e bola parada. Seus números são bem positivos com o Leão da Ilha: 53 jogos, 20 gols e 18 assistências.

Léo Cittadini

Um dos reforços do Bahia na última janela de transferências, Léo Cittadini é meia de origem e pode também aparecer na equipe. Foi ele quem substituiu Cauly após sua saída de campo contra o Botafogo.

Léo Cittadini sendo apresentado pelo Esquadrão
Léo Cittadini sendo apresentado pelo Esquadrão | Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Recém chegado ao clube, Cittadini ainda não embalou sob comando de Renato Paiva, entrando apenas no decorrer de três dos cinco jogos que foi relacionado. Na temporada inteira, contando as partidas pelo Athletico, entrou em campo 17 vezes.

Lucas Mugni

Assim como Cittadini, o argentino Lucas Mugni é especialista na posição, mas com uma característica diferente, sendo um atleta de muita energia e dedicação.

Mesmo sendo meia de origem, Mugni corre por fora na disputa, pois nunca caiu nas graças de Renato Paiva e tem perdido espaço na equipe após se destacar na Série B de 2022.

Lucas Mugni em ação pelo Tricolor
Lucas Mugni em ação pelo Tricolor | Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Após a chegada de Cittadini, o argentino não foi mais utilizado, ficando até de fora do banco nas últimas partidas. Na temporada, são 25 jogos, um gol e uma assistência.

exclamção leia também