30º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Novidade na área - 23/11/2023, 20:23 - Da Redação

Com moral: mundial de ginástica rítmica será sediado no Brasil em 2025

Luciene Resende, presidente da CBG, definiu a escolha como uma das maiores vitórias de sua gestão à frente da CBG

Brasil conquistou quarto lugar no Mundial de Ginástica Rítmica
Brasil conquistou quarto lugar no Mundial de Ginástica Rítmica |  Foto: Ricardo Bulhoes/CBG

Após sucesso brasileiro nos Jogos Pan-Americanos de Santiago, no Chile, garantindo o ouro em todas as disputas da ginástica rítmica, foi oficializado nesta quinta-feira (23), poucos dias depois do grande feito, que o Brasil será sede, pela primeira vez, de um Campeonato Mundial da categoria, em 2025, no Rio de Janeiro. Se trata da 41ª edição.

"Agora é oficial. A Confederação Brasileira de Ginástica recebeu da Federação Internacional de Ginástica a confirmação de que o Comitê Executivo da entidade suprema do esporte no planeta decidiu dar ao Brasil o direito de sediar a 41ª edição do Mundial de Ginástica Rítmica", anunciou a Confederação Brasileira de Ginástica (CBG).

"A resposta chega nove dias depois de o Brasil ter formalizado o seu pleito, protocolando o pedido junto à FIG. A CBG recebeu o apoio do Governo Federal, por meio do Ministério do Esporte e da Secretaria Geral da Presidência. O evento está previsto para transcorrer em agosto de 2025", completou a entidade.

O Ministério dos Esportes também compartilhou a escolha. "Brasileiros e brasileiros, tenho uma ótima notícia para compartilhar com todos vocês. O Brasil foi escolhido para sediar o Campeonato Mundial de Ginástica Rítmica de 2025. E a cidade escolhida para receber esse evento é a cidade maravilhosa do Rio de Janeiro", anunciou o Ministro dos Esportes, André Fufuca, que não poupou elogios à seleção nacional.

Veja também:

Ídolo do Fluminense, Fred tem arma apontada para cabeça em assalto

Furança! Gesto ousado rouba a cena na 'foto de campeão' do Vitória

Abel vai vazar do Palmeiras para faturar alto lá fora, diz jornal

"Nosso País se transformou em uma verdadeira potência da ginástica e agora estamos prontos para provar isso Ao mundo inteiro. Nossas ginastas têm feito coisas incríveis, elevando o patamar de elite do esporte´", completou Fufuca.

Luciene Resende, presidente da CBG, definiu a escolha como uma das maiores vitórias de sua gestão à frente da entidade, iniciada em 2009. "Ao longo deste período de 14 anos, já obtivemos grandes conquistas, como medalhas olímpicas e de Mundiais de todas as cores. O Brasil se firmou primeiro como potência reconhecida da Ginástica Artística e esse mesmo processo se repete com a Ginástica Rítmica. Mas devo dizer que receber o direito de organizar, em solo brasileiro, me dá uma emoção diferente", declarou.

exclamção leia também