27º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Entretenimento

largou o doce - 15/11/2023, 15:55 - Da Redação

Assista: Jéssica Senra habla sobre treta com motoristas de app

Apresentadora se explicou no programa ao vivo após ser mal interpretada pelos trabalhadores da plataforma

Jéssia se explicou aos motoristas de app no programa ao vivo desta quarta (15)
Jéssia se explicou aos motoristas de app no programa ao vivo desta quarta (15) |  Foto: Reprodução / Rede Bahia

Em meio aos casos recentes de abusos e crimes envolvendo motoristas de aplicativo e mulheres passageiras, a apresentadora do Bahia Meio Dia, Jéssica Senra, largou o doce, na última terça-feira (14), repudiando os casos, causando uma má interpretação nos trabalhadores vinculados a plataforma.

Nesta quarta (15), após alguns motoristas realizarem buzinaço na porta da emissora, Jéssica retomou o assunto e esclareceu as coisas para não causar um mal-entendido.

"Aproveitar para esclarecer uma fala que foi mal-entendida por alguns motoristas por aplicativo, uma categoria que eu sempre apoiei, que eu respeito, que eu abro espaço, que eu dou voz aqui no Bahia Meio Dia, eu quero falar com você, olho no olho, motorista, você que eu respeito e que me respeita, você de uma categoria que sempre tem espaço aqui, sempre tem meu apoio. Ontem eu fiz um comentário sobre insegurança de mulheres sozinhas em carros por aplicativos existem na Bahia e no Brasil inúmeros casos de violência contra mulheres sozinhas utilizando o serviço. Eu tenho certeza que vocês acompanham esses casos, nós temos medo", iniciou ela.

Acontece que, ao soltar a declaração de repúdio aos acontecimentos, os motoristas de aplicativo se sentiram ofendidos, entendendo que Jéssica repugnou a imagem de todos os trabalhadores da plataforma. No entanto, a jornalista afirma que não foi bem assim e que apenas estava cobrando mais segurança do app e da prefeitura para as passageiras.

"No meu comentário, eu cobrei da plataforma, que dê segurança às suas passageiras. Eu cobrei da plataforma, que garanto a sua reputação motorista que eu sei que sim, são honestos em sua maioria. Inclui até a prefeitura como um ente que deveria e deve se envolver nas fiscalizações do serviço, porque fiscalizar o serviço é dar segurança aos passageiros. É garantir também a sua segurança motorista, garantir também o seu sustento Eu não disse que todos os motoristas são criminosos, porque eu sei que não são", explicou.

Leia mais

Vídeo: "Sou hétero, mas amo os gays", diz Kannalha sobre Pabllo Vittar

Marga e Dani Mercury mergulham na Academia Brasileira de Cultura

Leozito da Shopee? 'Sósia' do influencer viraliza nas redes sociais

Ainda na declaração, a locutora do programa da Rede Bahia faz questão de enfatizar que também preza pelo lado dos trabalhadores honestos, que buscam tirar o sustento com as corridas diárias, em meio a tantas ocorrências perigosas.

"Eu sei que vocês entendem, que vocês também ficam indignados com as pessoas que usam os aplicativos para cometer crimes. Eu mais do que ninguém, sei. Sei que motoristas por aplicativo são tão vítimas quanto as mulheres são vítimas de uma exploração da sua força de trabalho com poucas ou nenhuma garantia sem que estão sujeitos a um trânsito estressante, a passageiros que nem sempre são educados, estão sujeitos também à violência curto. Os casos de motoristas assaltados, assassinados? Eu já noticiei aqui e cobrei a solução aqui. Quantas vezes eu briguei para que vocês também tenham segurança durante o trabalho, exigindo da plataforma que identifique com foto, com CPF os passageiros que os passageiros também sejam avaliados pelos motoristas", exclamou.

Por fim, Jéssica pede desculpa pela má interpretação das palavras, e garante que todo o apoio na luta pelos direitos dos motoristas parceiros que trabalham com aplicativos de viagem.

"Então, se você entendeu errado, eu não tenho problema nenhum em pedir desculpa. Eu deixo aqui com todas as letras, a convicção de que a maioria dos motoristas por aplicativo é honesta, a maioria absoluta. E eu quero que o aplicativo de segurança a você também, porque se eu tiver segurança, se a plataforma garantir a segurança de passageiros, ela também garante a segurança de trabalhadores, garante a permanência do serviço, que é fonte de renda para tantas famílias. A gente tem é que se unir e lutar para que o aplicativo. Ofereça condições decentes de trabalho e segurança para passageiros, passageiras e motoristas", finalizou.

Veja vídeo:

exclamção leia também