29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Cidades

sem peça promocional - 05/12/2023, 17:31 - Clara Oliveira- Atualizado em 05/12/2023, 18:05

Escultura com mão negra em Salvador é removida após polêmica

Ivete Sacramento, Secretária municipal da Reparação, comemorou a retirada da peça

Objeto estava localizado na Avenida Oceânica, no bairro de Ondina
Objeto estava localizado na Avenida Oceânica, no bairro de Ondina |  Foto: Reprodução/Redes Sociais

Após a denúncia da professora da Universidade Federal da Bahia (Ufba) e influenciadora digital Bárbara Carine contra a escultura de uma mão negra segurando um produto de limpeza, na Avenida Oceânica, no bairro de Ondina, o objeto foi removido do local durante essa terça-feira (5).

Por meio das redes sociais, a secretária municipal da Reparação (Semur), Ivete Sacramento, compartilhou uma foto do momento em que a peça foi retirada. "Racistas em Salvador não passarão!!! Removida", escreveu na legenda.

Leia Também:

Ferretti fala de "primeiras ações" como presidente e teme rebaixamento

Trabalhador tem Kombi roubada e bandido tenta chantageá-lo

Desaparecida: adolescente mudou de comportamento por causa de amizades

A peça promocional foi alvo de revolta nas redes sociais e levantou inúmeros questionamentos sobre racismo, visto que a escultura era representada por uma mão negra segurando um frasco de um multiuso desengordurante da marca Ypê.

Por meio de nota, a empresa afirmou que a campanha era inspirada em personagem Mãozinha, da "A Família Addams", e que ação já rodou por São Paulo e Campinas.

Confira a nota na íntegra

A peça Mãozinha, exposta em Salvador/BA, remete ao icônico personagem norte-americano Mãozinha, da "A Família Addams", baseado no filme dos anos 90. O personagem protagoniza uma campanha lançada em outubro na qual o Mãozinha limpa a casa da “Família Addams”. A ativação itinerante faz parte da ação de comunicação que contemplava, além da escultura do personagem, totem eletrônico com pôster da campanha e ambientação em abrigo de ônibus. A exposição também passou por São Paulo e Campinas e já foi encerrada.

exclamção leia também