28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Cidades

É MOLE, JOSÉ? - 15/12/2023, 19:23 - Da Redação

Dona de clínica que ‘vazou’ mulheres nuas considera ser vítima

Mulher declarou que foi vítima de extorsão por quadrilha por meio de crime digital

Mulher declarou que foi vítima de extorsão por quadrilha por meio de crime digital
Mulher declarou que foi vítima de extorsão por quadrilha por meio de crime digital |  Foto: Reprodução/Redes sociais

Clientes mulheres foram expostas nuas na internet dentro de uma clínica de estética, localizada na cidade de Fortaleza (CE). De repente, os conteúdos foram divulgados. Soterrada de críticas, a dona do estabelecimento comercial alegou que foi vítima de extorsão por cerca de três meses por uma quadrilha especializada em crime virtual, assim como exploração sexual.

Identificada como Valdineide da Silva Silveira, a moça pontuou que vivia um relacionamento amoroso pela web, há seis meses, com um homem de São Paulo. O suposto empresário extorquiu, no primeiro encontro presencial, cerca de R$ 10 mil da vítima, além de celulares roubados e objetos da clínica furtados, quando tudo começou.

"Sempre recebia uma ligação com o pedido para eu enviar vídeos meus nua. Eu fazia isso pra não morrer, não ganhei dinheiro com isso, pelo contrário, nesses meses todos ainda fui roubada em quase R$ 10 mil reais, os Pix estão aí pra provar", comentou, em entrevista ao portal UOL. , acrescentando que o dinheiro extorquido ia para uma empresa.

Leia mais

"Vitimiza", diz influencer sobre dona da clínica que filmava clientes

Mulheres filmadas nuas em clínicas são expostas na web; entenda

Vítima de médico tarado detalha abuso: "Perguntou se eu me masturbava"

Valdineide entende ainda que o namorado foi responsável por realizar as postagens, já que, após o sequestro do até então companheiro, começou a ser chantageada.

"Se a polícia buscar o CNPJ da empresa que entrava o dinheiro, vai descobrir do que se trata. Eu pesquisei, eles deram baixa na empresa depois que a história caiu na imprensa. Por que a polícia não investiga a fundo pra provar que se trata de algo perigoso e que eu também fui uma vítima?", finalizou.

exclamção leia também