28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

Em cana - 27/11/2023, 13:07 - João Grassi

Meliantes que assaltaram e esfaquearam investigador da PC são presos

Caso aconteceu na Avenida Sete de Setembro, no último domingo (26)

Agrimaldo Souza, diretor do Sindicato dos Policiais Civis da Bahia (Sindpoc)
Agrimaldo Souza, diretor do Sindicato dos Policiais Civis da Bahia (Sindpoc) |  Foto: Divulgação/Sindpoc

Dois suspeitos foram presos na manhã desta segunda-feira (26) por tentar assaltar e esfaquear Agrimaldo Souza, diretor do Sindicato dos Policiais Civis da Bahia (Sindpoc). Ele foi socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e já está liberado.

O diretor do Sindpoc foi atingido no braço por homens que ele afirma serem usuários de droga. O caso aconteceu no último domingo (26), na Avenida Sete de Setembro, nas redondezas do Colégio Nossa Senhora das Mercês, no Centro de Salvador.

Investigador da polícia há 20 anos, Agrimaldo destaca que existe um 'exército de zumbis' na capital baiana, que são usuários de drogas que atuam na praça da Piedade e no entorno do Campo Grande. O objetivo desses usuários é buscar vítimas para roubar celulares e trocar os aparelhos por drogas.

O policial salienta que a identificação das facções criminosas e prisão das principais lideranças já está sendo feita pela Secretária de Segurança Pública (SSP) e Polícia Civil (PC). Entretanto, para o diretor do Sindpoc, Salvador está precisando de políticas públicas que consigam combater o tráfico de drogas de forma mais eficaz.

"A polícia não é para ficar enxugando gelo, prendendo e soltando usuários de drogas. Roubam os celulares e depois correm para Gamboa para trocar por droga na boca de fumo. Então, o que está faltando é uma ação social efetiva, que envolva várias secretarias do município, com políticas sociais de acolhimento para diminuirmos a quantidade de usuários, para diminuirmos esses vampiros. O zumbismo da cidade ", sugere.

Os indivíduos foram identificados e conduzidos à 1° Delegacia Territorial dos Barris, onde a ocorrência havia sido registrada no domingo.

exclamção leia também