26º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

Cenas horripilantes - 19/01/2023, 15:38 - Pedro Moraes - Atualizado em 19/01/2023, 16:37

ASSISTA: PM parte pra cima de mulher durante abordagem

Por meio de um celular, uma pessoa gravou toda a abordagem policial

Por meio de um celular, uma pessoa gravou toda a abordagem policial
Por meio de um celular, uma pessoa gravou toda a abordagem policial |  Foto: Montagem/Portal Massa!

Atitudes de um agente da Polícia Militar da Bahia (PM-BA) foram denunciadas por uma família após uma abordagem truculenta no bairro da Fazenda Grande do Retiro, em Salvador. O caso, que foi registrado por meio de uma câmera, ocorreu na tarde desta quarta-feira (18), na 6ª Travessa Melo Moraes Filho.

Tudo começou quando os PMs foram acionados para atender uma briga familiar, quando uma das pessoas integrantes do grupo de parentes relatou uma denúncia de cárcere privado.

Segundo informações publicadas pelo portal g1, parte da família comunicou que o agente já chegou no local com insultos verbais não publicáveis e questionando: "Cadê ele? Cadê ele?".

Ainda através do vídeo, é possível acompanhar que três mulheres tentam dialogar com o policial, porém são fortemente xingadas. Para afastar as pessoas, o PM dá um tapa na cara de uma delas e usa um spray de pimenta no rosto da vítima.

Em outro momento, durante a gravação da mulher, o PM contesta: "Você vai apagar, se não vou te prender por desacato. Você vai para a delegacia. Eu sou formado", indica.

Leia Mais

Operação Voo Legal é deflagrada pela Polícia Civil

Tragédia! Trabalhadora é vítima de bala perdida no Subúrbio

Suspeito de 20 assassinatos, serial killer baiano 'tomba' em Minas

Identificado na farda como "cabo Cotorse", o agente ordena que a mulher cale a boca. Ele é lotado na 9ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM). Acima de tudo, os familiares registraram o caso na Corregedoria da PM e na Polícia Civil.

Pegue a visão:

Questionada sobre o caso, a PMBA comunicou ao Portal Massa!, por meio de nota, que determinou a apuração dos fatos e o afastamento do policial das atividades operacionais.

Do mesmo modo, a Polícia Civil do estado informou, também através de nota, que a mulher de 24 anos foi levada à Central de Flagrantes pelos policiais militares, suspeita de desacato.

A polícia ainda indicou que ela foi ouvida na unidade e liberada. Na manhã desta quinta (19), uma outra mulher denunciou, na 4ª Delegacia Territorial (DT), uma ocorrência contra a pessoa levada para a Central de Flagrantes na quarta.

Por fim, a mulher alegou ter sido vítima de invasão de propriedade. A Polícia Civil também acrescentou que a denunciante descreveu que um imóvel foi invadido com a ferramenta conhecida como "pé de cabra" e teve a porta danificada.

exclamção leia também