29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

NA CARA DE PAU - 26/07/2023, 14:55 - Da Redação- Atualizado em 26/07/2023, 15:17

ASSISTA: Lalau ‘mete mão’ em turista e amigas em Praia do Forte

O assalto aconteceu em plena luz do dia, enquanto a praia na localidade estava deserta

O assalto aconteceu em plena luz do dia, enquanto a praia na localidade estava deserta
O assalto aconteceu em plena luz do dia, enquanto a praia na localidade estava deserta |  Foto: Reprodução/Redes Sociais

Os locais paradisíacos do estado da Bahia, geralmente, são alguns dos principais pontos turísticos escolhidos por turistas. Contudo, uma mulher, de Brasília, teve uma surpresa desagradável nesta segunda-feira (24). Ao passar pela areia, na Praia do Forte, em Mata de São João, localizada na Região Metropolitana de Salvador (RMS), ela entrou no radar’ de uma ação criminosa..

Na oportunidade, ela estava ao lado de duas amigas e uma neta. De repente, um homem fez a abordagem do grupo, violentamente, e furtou a bolsa de uma delas. Documentos, celulares e outros pertences foram levados.

Após cometer o crime, o meliante fugiu. Todavia, até a manhã desta quarta-feira (26), nenhum indivíduo foi preso. A reportagem do Portal MASSA! procurou a Polícia Militar da Bahia (PM-BA) para saber mais detalhes. A corporação mencionou que não foi acionada para a referida ocorrência.

Pegue a visão:

Leia Mais

Viatura policial desvia de criança e acaba 'brocando' muro em Salvador

Chef baiana denuncia abordagem violenta da PM: "Chamou de vag@bunda"

Laranjada: Carro de Robson Conceição é arrombado por 'lalau' na Pituba

Do mesmo modo, o Portal MASSA! acionou a Polícia Civil da Bahia (PC-BA). Por meio de nota, a instituição alegou que a Delegacia de Proteção Ambiental (DPA) de Praia do Forte investiga o roubo a uma turista de Brasília. que relatou ter sido roubada na Praia de Pedra do Chapéu.

"De acordo com a comunicante, foram subtraídos um óculos de grau, um cartão de banco e um celular, além de itens de vestuário", cita um trecho da nota. A PC-BA acrescentou que o setor de investigação já iniciou a apuração, "e ela foi orientada a retornar na unidade para prestar mais informações".

exclamção leia também