26º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Polêmico - 17/05/2023, 19:32 - Santiago Oliveira

''Perdi meu mandato porque combati a corrupção'', dispara Dallagnol

Para o TSE, o ex-procurador da Lava Jato no Paraná, infringiu a Lei da Ficha Limpa ao se demitir do Ministério Público

Dallagnol foi eleito com 344 mil votos no Paraná na eleição do ano passado
Dallagnol foi eleito com 344 mil votos no Paraná na eleição do ano passado |  Foto: Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados

O deputado federal Deltan Dallagnol (Podemos-PR) afirmou nesta quarta-feira (17) que a perda de seu mandato ocorreu porque ele combateu a corrupção.

O mandato de Dallagnol foi cassado por unanimidade no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os ministros consideraram que o registro da candidatura dele não foi válido.

Leia mais: Prefeito e ex-prefeito de município trocam farpas na internet

Confira: Preta Gil 'abre o berreiro' com reencontro marcante

Veja também: Novinha tenta iludir o pai com sequestro fake e cobrança desaforada

Para o TSE o ex-procurador da Lava Jato no Paraná infringiu a Lei da Ficha Limpa ao se demitir do Ministério Público, enquanto ainda respondia a processos disciplinares internos.

"Eu perdi o meu mandato porque eu combati a corrupção. E hoje é um dia de festa para os corruptos e um dia de festa para o Lula", disse Dallagnol em coletiva no Salão Verde da Câmara. Ele estava que acompanhado de deputados oposicionistas ao governo completou: "Eu fui cassado por vingança, porque eu ousei enfrentar o sistema de corrupção".

Dallagnol foi eleito com 344 mil votos no Paraná na eleição do ano passado. O ex-deputado afirmou que os ministros do TSE utilizaram uma "inelegibilidade imaginária" para cassar o seu mandato, já que não há processos administrativos disciplinares abertos contra ele.

exclamção leia também