29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

rapaz, que situação - 05/03/2024, 19:34 - Clara Oliveira - Atualizado em 05/03/2024, 19:46

Importunação Sexual: Tiririca é acusado de dar dedada em trabalhador

Situação ocorreu no momento em que o prestador de serviços fazia a manutenção na portaria de um condomínio

Situação teria deixa o prestador de serviços constrangido
Situação teria deixa o prestador de serviços constrangido |  Foto: Nilson Bastian / Câmara dos Deputados

O humorista e deputado federal Tiririca (PL/SP) foi acusado de importunação sexual por um prestador de serviço. Em boletim de ocorrência registrado na última segunda-feira (4), no 96º Distrito Policial (Monções), na zona sul de São Paulo, o homem alegou ter recebido uma dedada do político na sexta-feira (29), na portaria de um condomínio.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, a vítima de 39 anos compareceu à delegacia para relatar o acontecimento. As diligências estão em andamento para esclarecer a ocorrência.

Leia Também:

Jero exalta impacto econômico da BYD em Camaçari: "10 mil empregos"

Retado, Tiririca esculhamba Eduardo Bolsonaro: "Pegou meus votos"

Ângelo Almeida revela que a BYD não vai comprar equipamentos da Ford

Em depoimento, o rapaz relatou que enquanto prestava serviço de manutenção na portaria de um condomínio na Rua Casa do Ator, um homem desconhecido, acompanhado de uma mulher, “aproximou-se dele e lhe desferiu uma ‘dedada’ na região das nádegas, por sobre a calça”.

Momentos depois do acontecimento, o prestador de serviço percebeu que o homem em questão era o deputado federal Tiririca. A vítima foi orientada pela advogada a registrar o boletim de ocorrência.

Ainda segundo o homem, as pessoas presentes na portaria, “riram do declarante, motivo pelo qual se sentiu humilhado”.

exclamção leia também