28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Estado em alerta - 15/12/2023, 12:58 - Anderson Orrico e Cássio Moreira- Atualizado em 15/12/2023, 13:38

Governador apresenta ações contra estiagem em cidades da Bahia

Jerônimo Rodrigues também entregou equipamentos para o enfrentamento da seca

Evento foi realizado no Jardim dos Namorados, na manhã desta sexta-feira
Evento foi realizado no Jardim dos Namorados, na manhã desta sexta-feira |  Foto: Cássio Moreira/Portal Massa!

O governador Jerônimo Rodrigues participou na manhã desta sexta-feira (15), da entrega de equipamentos para combater as estiagens em municípios baianos e também participou de uma reunião com prefeitos na União dos Municípios da Bahia (UPB) para detalhar algumas ações emergenciais de enfrentamento.

Jero destacou que neste momento de seca o que precisa é de união e não de briga entre os partidos.

“Esse enfrentamento é contra os efeitos da estiagem, não é contra nenhum partido. Quem votou, quem não votou, nesse momento o deputado fez a emenda e nós entregamos. Entreguei agora um conjunto de equipamentos a prefeitos, que não tiveram do mesmo lado eleitoral nas últimas eleições. E eu pedi para que na parte da tarde a equipe da UPB, a Federação dos Consórcios Públicos da Bahia (FEC), os consórcios, pudessem continuar em reunião na UPB para a gente poder desdobrar todas as ações nossas”, reforçou.

O gestor estadual solicitou que as prefeituras façam um levantamento e informem ao governo estadual onde existem poços na cidade para que possam ser utilizados no enfrentamento à estiagem.

Leia também:

Deputado critica derrubada de veto do marco temporal: “É um atentado"

Raimundinho dispara que diretores da Via Bahia tinham que ser presos

Gualberto renuncia cargo e Bira assume prefeitura de Mata de São João

“Por exemplo, onde é que nós temos poços abertos e que precisamos instalar bomba? Então, se ali alguma prefeitura abriu o poço, com recurso próprio ou qualquer outra fonte, até em particular, nós precisamos, se for num poço particular, que essa fonte seja cedida ao Estado ou à Prefeitura, porque só investimos na área pública”, disse Jerônimo.

Além disso, o governador quer saber quanto as cidades e o estado tem disponível em fundos de combate a essas situações para que os valores sejam disponibilizados para ajudar com carro pipa outros equipamentos.

“Eu também pedi que nossa equipe comece a desenhar um fundo dos municípios do Estado, para que a gente possa desburocratizar, respeitando todos os órgãos de controle, como o Tribunal de Contas Estado, Tribunal de Contas dos Municípios, Ministério Público, TJ, e assim a gente poder repassar recursos, fundo a fundo, tanto da União, quanto do Estado. Eu pedi ainda que a Fazenda e a Casa Civil, possam ver se nós podemos ainda remanejar algum recurso. Nós estamos falando de R$ 10 milhões para ajudar os municípios, com carro pipa, e se a gente puder encontrar mais alguma outra fonte de recursos, de combate a pobreza, ou alguma outra fonte, eu farei”, declarou.

Jerônimo revelou que solicitou à Assembleia Legislativa, na pessoa do presidente e do líder da base, para que os deputados se mantenham atentos caso precise criar alguma lei que facilite esse processo.

“Pedi atenção caso precise da criação de alguma lei, alguma coisa que eu possa fazer dentro da Assembleia, para ter a cobertura jurídica. A Assembleia aceitou e comprou a ideia. Então, mais uma vez, também, eu agradeço os deputados estaduais e federais”, reforçou.

Além disso, o governador salientou que os equipamentos doados para as prefeituras em estado de emergência poderão ser utilizados para controlar os incêndios que vem tomando conta das matas da Bahia.

“Tenho a noção que esses equipamentos poderão até ajudar nas queimadas. Nós estamos tendo aí, pelo menos neste dia de hoje, 20 a 30 municípios passando por incêndios, seja de mata branca ou de floresta, seja na catinga, no sertão ou em região litorânea, como é o caso de Monte Pascoal, ali nos municípios de Itamaraju, Eunápolis e Teixeira de Freitas. E a ação de incêndio, de queimada, a gente não pode fazer prevenção. Mas uma máquina dessa pode tranquilamente, puxando um arado, puxando uma grade, fazer um bom anseio para que o fogo não se disperse para outras áreas”, completou.

exclamção leia também