29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Foi conferir a situação - 09/01/2023, 07:43 - Everton Santos

Após ataques, Lula visita Planalto e STF

Por volta de 21h, o chefe do Executivo chegou de volta à capital federal

Lula foi até o Planalto
Lula foi até o Planalto |  Foto: Reprodução/TV Globo

Após voltar a Brasília, na noite de domingo (8), o presidente Lula (PT) foi para o Palácio do Planalto conferir como estava o local após ataques feitos por terroristas bolsonaristas na sede do Poder Executivo. Depois, ele esteve no prédio do Supremo Tribunal Federal (STF), também alvo dos golpistas.

O chefe do Executivo tinha ido para Araraquara, no interior de São Paulo, na manhã do domingo. Ele foi ver os efeitos das chuvas intensas na cidade.

No meio da tarde, bolsonaristas se dirigiram à Praça dos Três Poderes, em Brasília, e invadiram e depredaram, além de Planalto e STF, o Congresso Nacional, em cenas de vandalismo.

Ainda em Araraquara Lula decretou intervenção federal na segurança pública de Brasília até o dia 31 de janeiro. Dentro do governo federal há o entendimento de que Polícia Militar do DF foi conivente com os atos terroristas.

Por volta de 21h, o chefe do Executivo chegou de volta à capital federal. Os terroristas já haviam sido presos ou escoltados para fora da região da Praça dos Três Poderes.

Lula esteve inicialmente no Planalto. Lá, ele encontrou o mobiliário destruído, vidraças quebradas e obras de arte rasgadas.

Depois, atravessou a praça e foi até o STF. Ele foi recebido pela presidente da Corte, ministra Rosa Weber, e pelos ministros Dias Toffoli e Luis Roberto Barroso.

Lula tuitou sobre sua ida ao Planalto e STF e afirmou que os responsáveis pelo terrorismo serão punidos.

"Estive agora à noite no Palácio do Planalto e no STF. Os golpistas que promoveram a destruição do patrimônio público em Brasília estão sendo identificados e serão punidos. Amanhã retomamos os trabalhos no Palácio do Planalto. Democracia sempre. Boa noite", escreveu o presidente.

exclamção leia também