30º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Mundial de Clubes - 18/12/2023, 18:55 - Da Redação

City ou Urawa Reds? Marcelo e Diniz falam em "jogo da vida"

Fluminense está na final e espera time da Inglaterra ou do Japão

Marcelo sofreu pênalti que abriu caminho para vitória do Fluminense
Marcelo sofreu pênalti que abriu caminho para vitória do Fluminense |  Foto: Reprodução / X

O Fluminense já fez sua parte, na tarde desta segunda-feira (18), e está na final do Mundial de Clubes. Agora, o time carioca aguarda por Manchester City ou Urawa Reds, que se enfrentarão nesta terça (19), na Arábia Saudita.

Após a vitória sobre o Al Alhy, o lateral Marcelo conversou com a imprensa e disse que a final da próxima sexta (22) será o jogo da vida dos jogadores do time carioca. "Na minha carreira, eu sempre respeitei os adversários. O City, com certeza é o favorito, mas o outro time (Urawa Reds) também teve que ganhar algo para chegar até aqui. Não é que "venha o City", estamos na final e preparados para tudo. É o maior jogo das nossas vidas e vamos dar tudo para ganhar".

Marcelo teve papel fundamental na classificação do Fluminense para a final do Mundial de Clubes. Foi o lateral quem sofreu o pênalti que Arias cobrou e abriu o caminho para o triunfo Tricolor.

Sobre a dificuldade da partida, Marcelo disse que todo jogo é uma pedreira no Mundial de Clubes, competição conquistada por ele em quatro oportunidades. "É semifinal de Mundial de Clubes. Isso é muito grande, muito difícil. Todo jogo é uma pedreira. Não chegamos aqui porque fomos convidados, chegamos porque também temos méritos. Para jogar uma competição dessa tem que ganhar um campeonato muito importante. Todos estão de parabéns pela vitória", disse.

Fala, professor!

Muito feliz com o resultado positivo e a classificação para a decisão, o técnico Fernando Diniz também falou sobre a importante vitória. "[O Al Alhy é] Um time muito bem treinado, vários jogadores da seleção do Egito, da Tunísia, não chegou aqui por acaso. A gente tem que enxergar o futebol de uma maneira diferente. Fiquei feliz, porque o time conseguiu jogar muito bem em determinados momentos do segundo tempo e, no final, poderia ter ampliado", avaliou o professor.

Questionado se o japonês Urawa Reds pode complicar a vida do Manchester City, o treinador disse que tudo pode acontecer. "No futebol nada é impossível. A gente sabe que o City é a melhor equipe do mundo, mas também é fato que se a gente não jogar com muita seriedade tudo pode acontecer", finalizou.

exclamção leia também