26º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Entretenimento

Que confusão! - 22/06/2024, 16:03 - Da Redação - Atualizado em 22/06/2024, 16:46

Xiiii! Neto de Luiz Gonzaga nega autorização para música de Juliette

Bafafá inclui até o nome de Anitta

O hit em questão faz parte do novo projeto musical de Juliette
O hit em questão faz parte do novo projeto musical de Juliette |  Foto: Reprodução/Instagram @juliette e @danielgonzaga_oficial

Parece que a polêmica envolvendo a nova música de trabalho da cantora Juliette está longe de acabar. Neste sábado (22), o neto de Luiz Gonzaga, o cantor e compositor Daniel Gonzaga, afirmou que a família não autorizou o lançamento do hit “Vem Galopar”, que tem influência do clássico “Pagode Russo”, de Gonzagão.

Leia mais: Juliette anuncia novo projeto musical com raízes no São João

A música de Juliette tem gerado tititi desde que chegou aos streamings, a letra da música tem sido criticada por algumas pessoas. Após comentários negativos, a artista garantiu que a produção teve autorização da família de Gonzagão, que administra os direitos autorais da obra do célebre cantor falecido em 1989. Porém Daniel Gonzaga nega essa autorização.

Leia mais: Polêmica, nova música de Juliette teve aval da família de Gonzagão

“Me deparei com uma polêmica que me marcaram aqui, parece que a cantora Juliette lançou uma música que tem alguma coisa a ver com meu avô e João Silva. O título dizia autorização da família Gonzaga, eu to aqui e espero que compartilhem esse vídeo, dizendo que ninguém autorizou nada da minha família", afirmou.

“Essa música é de propriedade da Universal, eles lançaram porque quiseram. Anteriormente essa música havia sido pleiteada para ser gravada pela Anitta, e nem autorização eles pediram. Então não há uma autorização formal da família Gonzaga, a música é deles, eles fazem o que quiserem, a realidade tem sido assim cada vez mais”, explicou o neto de Gonzagão.

No vídeo publicado, Daniel seguiu falando de situações que ele acredita ser um desmonte na cultura e afirmou que isso tem acontecido há muito tempo. “Inclusive vem acontecendo em outro lugar, querem mudar o nome da missa do vaqueiro para festa do Jacó, apagando mais de 50 anos de história.”

Voltando para a música da ex-bbb, o compositor acrescentou: “Vocês façam o que quiserem, só não digam que a família Gonzaga ou família Silva autorizou”.

Daniel finalizou pedindo que se tenha uma atenção maior para a cultura.

Assista o vídeo completo:

exclamção leia também