31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Entretenimento

Vem aí! - 17/11/2023, 09:35 - Artur Soares*- Atualizado em 17/11/2023, 10:11

Todo moderninho, novo ‘Ó Paí, Ó’ debate diversas pautas sociais

Representação LGBT, saúde mental, criação de filhos e o uso de tecnologia para sobrevivência são pautas abordadas no longa

Elenco do longa se reuiniu para coletiva de imprensa no Cine Glauber Rocha, em Salvador
Elenco do longa se reuiniu para coletiva de imprensa no Cine Glauber Rocha, em Salvador |  Foto: Shirley Stolze / Ag. A TARDE

Ó Paí, Ó 2 chegou com tudo em Salvador. Quase 16 anos depois, o enredo segue a história do cantor Rock (Lázaro Ramos), que está prestes a lançar sua primeira música. Apesar do bom humor, a nova trama é marcada pela discussão de diversas pautas sociais. Representação LGBT, saúde mental e sobrevivência com o uso da tecnologia são apenas alguns dos assuntos abordados na obra. O longa estreia oficialmente na quinta-feira (23), com distribuição da H2O Films, mas ganhou novas sessões de pré-estreia em Salvador, Feira de Santana e Vitória da Conquista no sábado (18), domingo (19) e segunda (20).

Durante coletiva de imprensa realizada no Cine Glauber Rocha, no centro de Salvador, na última quinta (16], o elenco discutiu sobre a importância política dessa sequência.

“A maior preocupação que esse grupo aqui teve foi como não ficar obsoleto nas pautas que o filme trata”, começou Lázaro Ramos, que dá vida ao protagonista. O ator pontuou sobre a importância que a produção deu na hora de atualizar as discussões para algo mais próximo do público atual. “Por isso que novas pautas entram, como a saúde mental, criação de filhos e o uso de tecnologia para sobrevivência”, continuou.

Lázario Ramos destaca a abordagem política do filme
Lázario Ramos destaca a abordagem política do filme | Foto: Shirley Stolze / Ag. A TARDE

Caricatura do baiano?

Outro ponto defendido foi sobre a caracterização dos personagens. Apesar de algumas pessoas acreditarem que o filme apresenta versões “caricatas” do que é “ser baiano”, o elenco garante que tudo foi baseado na realidade. “As cenas que acontecem no filme são cenas cotidianas que nós vemos no dia a dia no Pelourinho”, afirmou Jorge Washington, que interpreta Matias.

“Eu acabo deixando a obra falar por si própria quando perguntam para mim como é de onde eu venho”, completou Vinicius Nascimento, intérprete de Tôko. Morador do Pelourinho há 25 anos, Vinicius comentou sobre como o primeiro filme foi algo transformador em sua vida. “Eu não tinha perspectiva nenhuma porque eu era uma criança. ‘Ó Paí, Ó’ veio para me dar uma profissão, foi um anjo da guarda que me abraçou”, relembrou.

Ator Jorge Washington interpreta Matias
Ator Jorge Washington interpreta Matias | Foto: Shirley Stolze / Ag. A TARDE

Novas caras na trama

Quem também aproveitou para agradecer foram os novos rostos do elenco. Uma dessas carinhas novas é a de Clara Buarque, neta de Chico Buarque e filha de Carlinhos Brown. Clara se mostrou emocionada por poder trabalhar ao lado dos ídolos. “Estou vivendo um sonho enorme. Eu ainda não tô acreditando que faço parte disso e estou muito feliz”, admitiu.

Clara Buarque é uma das novas caras da trama
Clara Buarque é uma das novas caras da trama | Foto: Shirley Stolze / Ag. A TARDE

O filme

Continuação do longa de 2007, Ó Paí, Ó 2 marca o retorno de Lázaro ao Pelourinho como o cantor Roque, um dos personagens mais marcantes de sua carreira. Com direção de Viviane Ferreira, a comédia chega aos cinemas no mês da Consciência Negra. Dira Paes, Érico Brás, Luciana Souza, Tânia Toko e Lyu Árison retornam ao elenco, além de novos nomes como Luís Miranda. O longa é uma produção da Dueto e Casé Filmes, em coprodução com Globo Filmes e Canal Brasil. A distribuição é da H2O Films.

Mais de 15 anos depois do sucesso do primeiro longa, Roque (Lázaro Ramos) se prepara para lançar sua primeira música e está confiante que irá, finalmente, alcançar a fama como cantor. Enquanto isso, o cortiço de Dona Joana (Luciana Souza) continua agitado em meio a fofocas e confusões entre os novos moradores e vizinhos. Já Neuzão (Tânia Toko), perde seu bar, causando uma comoção geral. Mas a animação da turma é grande com as preparações para a Festa de Iemanjá, uma das mais populares do calendário baiano, que concentra uma multidão em Salvador.

*Sob a supervisão do editor Jefferson Domingos

exclamção leia também