23º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Cidades

MARECHAL RONDON EM PESO - 18/10/2023, 09:07 - Pedro Moraes

Moradores fazem novo protesto contra fechamento de clínica

Protestantes querem reabertura de clínica e, consequentemente, oferta de serviços

Protestantes querem reabertura de clínica e, consequentemente, oferta de serviços
Protestantes querem reabertura de clínica e, consequentemente, oferta de serviços |  Foto: Leitor Portal MASSA!

A bronca tomou conta de moradores do bairro do Marechal Rondon, na cidade de Salvador, nesta terça-feira (17). Após realizarem um protesto contra o fechamento da clínica que atende à população local, eles voltaram a demonstrar revolta com o atual estado da situação. Isso porque o contrato com a prefeitura municipal não foi renovado devido a irregularidades em certidões.

A segunda manifestação ocorreu na sede da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), localizada na Rua da Grécia, no bairro do Comércio. Segundo Rita Batista, líder comunitária, existe a expectativa de uma reviravolta na situação.

“Chegamos lá, eles nos atenderam, disseram que está faltando uma certidão de vigilância sanitária e, como a prefeitura não deu prazo, com o manifesto a gente conseguiu um prazo. Eles disseram que vão prorrogar o processo para ser habilitada a clínica. Estamos no aguardo disso. Mas, a clínica já está fechada, não está mais com o convênio do SUS, não está tendo mais atendimento do SUS lá”, garantiu ela.

Pegue a visão:

Leia mais

Moradores protestam contra fechamento de clínica em Marechal Rondon

Assista: “Dormir no inferno”, dispara jovem ao incendiar casa da mãe

R$ 34 milhões! Mega-Sena sorteia bolada milionária nesta terça

Ainda conforme Rita, a prefeitura renovou contrato com as policlínicas dos bairros do Retiro e de Pau da Lima. Com serviços como ultrassons, transvaginais, fisioterapia, ortopedia, clínico geral e duplo venoso, a unidade de saúde atende os moradores das localidades de Marechal, Alto do Cabrito, Pirajá, São Caetano e bairros adjacentes.

O Portal MASSA! procurou a SMS para saber mais informações sobre este caso e aguarda retorno. De acordo com uma fonte da pasta: "Não houve nenhuma prorrogação de prazo. Anualmente os contatos são renovados, o que foi feito nos últimos anos com as clínicas em questão. Porém, este ano, estão pendentes com as documentações, o que impossibilita a ativação do serviço pela SMS. As clínicas foram reiteradas vezes alertadas.

Diferente de licitação, trata-se de um chamamento ao qual o prestador, de posse das exigências do serviço público para prestação de serviços, pode se habilitar a qualquer tempo.

Preciso destacar ainda que as portas das clínicas não foram fechadas; o que foi encerrado foi o contrato com a SMS; que como dito anteriormente, pode ser reativado mediante apresentação de documentos exigidos".

exclamção leia também