26º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Viver Bem

É de graça! - 05/11/2022, 06:05 - Maria Laura S. de Souza - Atualizado em 05/11/2022, 09:25

Exames de PSA, mamografias e consultas gratuitas no Mater Dei

As inscrições poderão ser realizadas pelo telefone (71) 3330-7125, das 8h às 18h

A ação é parte da Campanha Mater Dei na Luta Contra o Câncer, que já está em ação há 12 anos.
A ação é parte da Campanha Mater Dei na Luta Contra o Câncer, que já está em ação há 12 anos. |  Foto: Divulgação

Por Maria Laura S. de Souza*

O Hospital Mater Dei Salvador está oferecendo 200 exames de mamografia e PSA (Antígeno Prostático Específico). Podem participar da ação mulheres a partir dos 40 anos e homens a partir dos 50 anos, que não possuem plano de saúde e que não tenham feito o procedimento no último ano. Os interessados devem entrar em contato, neste sábado (5), com o hospital para agendar o atendimento.

As inscrições poderão ser realizadas pelo telefone (71) 3330-7125, das 8h às 18h. Para fazer o cadastro, é necessário informar o nome completo, data de nascimento, CPF, telefone de contato e endereço completo. Cada pessoa poderá realizar apenas uma inscrição por ligação. As vagas são limitadas e estarão disponíveis até se esgotarem. As consultas acontecerão no dia 26 de novembro

Estão sendo oferecidos 100 exames de mamografia e 100 exames de PSA, além de consultas com especialistas da área. Os resultados dos exames serão entregues aos pacientes no dia 26 de novembro, em uma ação de conscientização da luta contra o câncer, promovida pelo Mater Dei. Os pacientes passarão por uma consulta com mastologistas e urologistas. Caso haja necessidade de realizar uma biópsia, eles serão encaminhados para um laboratório parceiro do Hospital.

Neste dia, outros profissionais de saúde vão prestar assistência esclarecendo dúvidas e orientando os pacientes e acompanhantes. A ação é parte da Campanha Mater Dei na Luta Contra o Câncer, que já está em ação há 12 anos. O objetivo é reforçar a importância do cuidado com a saúde, incentivando o diagnóstico precoce através dos exames anuais de rastreamento, fator que é determinante para o sucesso no tratamento do câncer.

Cleydson Santos, coordenador do Hospital Integrado do Câncer do Hospital Mater Dei Salvador, afirma que toda equipe está empenhada em ser útil para a sociedade como um todo. “Para as pessoas que são conveniadas, mas também para as pessoas que são desprovidas de plano de saúde e têm dificuldade de fazer os exames médicos pelo sistema único de saúde”, ressalta.

profissionais de saúde vão prestar assistência esclarecendo dúvidas e orientando os pacientes e acompanhantes
profissionais de saúde vão prestar assistência esclarecendo dúvidas e orientando os pacientes e acompanhantes | Foto: Divulgação

Segundo a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM), apenas 20% das mulheres que deveriam realizar o exame de mamografia, são atendidas pelo SUS. Essa porcentagem diminuiu ainda mais com a pandemia: em 2021, foram realizados 1,6 milhão de mamografias em mulheres de 50 a 69 anos, 15% abaixo da quantidade usual. Segundo dados do Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS (SIA/SUS) do Ministério da Saúde, em 2021, foram realizadas 278.594 mamografias na Bahia.

O câncer de mama é o tipo de tumor mais frequente em mulheres no mundo e no Brasil, depois do câncer de pele não-melanoma. Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer, são estimados 66.280 novos casos de câncer no Brasil em 2022, sendo 3.460 somente na Bahia. A mamografia é o principal exame para detecção da doença que, se descoberta na sua fase inicial, antes de surgir os primeiros sintomas, tem chance de cura de 90%. Por isso a importância da realização do exame de rastreamento todos os anos.

Leonardo Dias, coordenador do serviço de mastologia do Hospital, acredita que muitas mulheres não realizam os exames por falta de acesso e informação, ou até por medo do resultado. "Esse tipo de conscientização, no entanto, está mudando aos poucos, pois também temos muitas mulheres que abraçam a causa”, reflete.

O câncer de próstata matou 16.055 homens em 2021, o que corresponde a 44 mortes por dia. O Instituto Nacional do Câncer (Inca), estima 65.840 casos da doença no Brasil em 2022. Na Bahia são esperados 6.130 diagnósticos nesse mesmo período. O PSA é o marcador mais utilizado no auxílio ao diagnóstico desse tipo de câncer, por isso deve ser realizado anualmente.

O coordenador do serviço de urologia do Hospital Mater Dei Salvador, Nilo Jorge, destaca que não existe uma medida específica para evitar o surgimento do câncer de próstata, a forma mais eficaz de lidar com a doença é o diagnóstico precoce. “Estimular o homem a procurar o médico, não só para ver a próstata, mas para cuidar de diversas questões de saúde. De maneira geral, ele acaba sendo uma vítima da sua própria falta de cuidado”, diz.

O especialista ressalta que muitos homens têm medo de cuidar da próstata com medo da impotência sexual e incontinência urinária. Entretanto, estes efeitos colaterais são muito menores quando o tumor é descoberto na fase inicial. Além disso, os avanços no tratamento da doença também reduziram as chances de sequelas. ‘Hoje temos diversos avanços para o câncer de próstata e, sem dúvida, o que mais se destaca é o uso da cirurgia robótica para realização de cirurgias”, revela.

Ele explica que o Hospital Mater Dei possui o robô Da Vinci XI, que ajuda o cirurgião a visualizar melhor as estruturas com visão em 3D, agregando mais precisão aos movimentos, reduzindo, portanto, a incidência de sequelas como impotência e incontinência urinária na recuperação do tratamento do câncer de próstata.

*Sob supervisão da editora Kenna Martins

exclamção leia também