28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Viver Bem

Se ligue aí - 05/04/2024, 20:36 - Da Redação

Anvisa proíbe venda de álcool líquido 70%

A venda do álcool 70%, em gel, não é afetada pela nova regra

Álcool 70% líquido só poderá ficar nas prateleiras até 29 de abril
Álcool 70% líquido só poderá ficar nas prateleiras até 29 de abril |  Foto: Reprodução/Correio Braziliense

A partir de 30 de abril, o álcool líquido 70% não estará mais disponível para compra em supermercados e outros estabelecimentos comerciais no Brasil. A medida, estabelecida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), visa garantir a segurança dos consumidores, pois o produto é altamente inflamável.

A venda do álcool 70%, em gel, no entanto, não é afetada pela nova regra. Essa opção continua disponível para compra em todo o país, oferecendo uma alternativa segura e eficaz para a higienização das mãos.

Embora a medida possa parecer nova, a comercialização do álcool líquido 70% já era proibida há mais de 20 anos devido à sua alta inflamabilidade. Com a pandemia da Covid-19, a Anvisa flexibilizou a norma como forma de facilitar o acesso à higienização durante um período crítico de saúde pública.

A flexibilização, que permitia a venda direta ao consumidor do álcool 70% líquido, tinha como data limite o dia 31 de dezembro de 2023. No entanto, a Anvisa prorrogou o fim da medida para 30 de abril, considerando que os estoques do produto nas prateleiras dos estabelecimentos devem se esgotar até o dia 29.

A Anvisa reforça que, além do álcool líquido 70%, existem diversas outras opções de produtos para limpeza e sanitização disponíveis no mercado. Desinfetantes sem álcool, por exemplo, também são eficazes contra germes e vírus, incluindo o da Covid-19.

exclamção leia também