30º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

Investigação em andamento - 04/09/2023, 13:11 - Anderson Orrico

Três homens são presos pelo assassinato de Bernadete Pacífico

Suspeitos foram presos em Simões Filho e Araças

Coletiva foi realizada na manhã desta segunda-feira (4)
Coletiva foi realizada na manhã desta segunda-feira (4) |  Foto: Reprodução/G1

Três suspeitos que participaram da execução da líder quilombola Bernadete Pacífico foram presos pela Polícia Civil. A informação foi confirmada pelo secretário de Segurança Pública, Marcelo Werner, em entrevista coletiva realizada nesta segunda-feira (4). Além disso, foi revelado também que as armas utilizadas no crime foram uma 9mm e uma 765.

De acordo com a delegada-geral da Polícia Civil, Heloísa Brito, dos criminosos presos, um estava com o celular de mãe Bernadete que foi levado no dia do assassinato, outro é o executor, que confessou participação, e o terceiro estava guardando as armas utilizadas no crime. Um segundo atirador ainda está sendo procurado pela PC.

“Em razão da complexidade desse caso, da relevância também, nós começamos a desenvolver de modo multidisciplinar as investigações no âmbito da polícia judiciária, contando com o apoio de todos os departamentos existentes. Essa comunhão de esforço fez com que nós conseguíssemos avançar e pudéssemos realizar a prisão de três indivíduos. É importante frisar que as investigações continuam e essa é uma atualização parcial do trabalho desenvolvido. Como o crime aconteceu nós já sabemos e agora investigamos qual é a participação de todos os envolvidos”, afirmou.

As prisões aconteceram em Simões Filho e outra na cidade Araças e, segundo o secretário, ainda não dá para afirmar a quantidade de pessoas envolvidas no crime, mas que há a informação de que mais um executor participou da ação.

“As investigações vão avançar para alcançar todos aqueles, inclusive se houver mandante e outras pessoas que indiretamente apoiaram a ação ou auxiliou na ocultação de alguma informação”, completou Werner.

exclamção leia também