28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

Pontos importantes - 19/12/2023, 08:06 - Da Redação- Atualizado em 19/12/2023, 09:32

Talaricou? Entenda o que falta esclarecer sobre o caso Marcelinho

Ídolo do Corinthians foi sequestrado após sair do show de Thiaguinho, na Neo Química Arena, em SP

Marcelinho Carioca concede entrevista coletiva sobre sequestro
Marcelinho Carioca concede entrevista coletiva sobre sequestro |  Foto: Reprodução/TV Globo

O ex-jogador Marcelinho Carioca foi encontrado em uma casa em Itaquaquecetuba, na Grande São Paulo, na tarde desta segunda-feira (18), após ser abordado e sequestrado por três homens, de acordo com seu depoimento. O ídolo do Corinthians relatou que a situação ocorreu após sair do show de Thiaguinho, na Neo Química Arena, e estava na frente da casa de uma amiga.

"Chegaram três indivíduos e me abordaram, e aí tomei essa coronhada na minha cabeça e depois não vi mais nada. Entrei no carro e já colocaram o capuz e não vi mais nada", contou Marcelinho, revelando ter ido levar ingressos do mesmo show para sua amiga.

Thais, amiga de Marcelinho, é a mulher que aparece com ele em vídeo gravado no cativeiro e que viralizou nas redes sociais. O ex-jogador diz que ela trabalhou na Secretaria de Esportes de Itaquaquecetuba, onde ele foi secretário. Os dois ficaram sob domínio dos criminosos durante um dia e meio.

A polícia afirmou que ainda não se sabe o motivo do sequestro. "O carro era chamativo e foram para cima. Depois que viram que era o Marcelinho", declarou Paulo Piilz, diretor do DOPE, descrevendo que parece ser um crime de oportunidade.

Veja também:

Após roubar celular, criminoso vai em cana pela segunda vez este mês

Vídeo: cão policial indica drogas em caixa de panetone nos Correios

Marcelinho presta depoimento e nega envolvimento com a outra vítima

Segundo a polícia, família de Marcelinho chegou a pagar R$ 40 mil. Além dos que ainda estão sendo procurados, segundo a polícia, seis pessoas foram levadas para a delegacia. Uma delas vai ser ouvida como testemunha e as outras cinco foram autuadas em flagrante.

exclamção leia também