28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

Na Bahia - 24/10/2022, 19:26 - Pedro Moraes

Suspeita de narcotráfico é transferida para presídio de Salvador

A doleira Nelma Kodama foi presa em uma operação contra o tráfico internacional

A doleira Nelma Kodama foi presa em uma operação contra o tráfico internacional
A doleira Nelma Kodama foi presa em uma operação contra o tráfico internacional |  Foto: Foto: Reprodução

Presa em abril deste ano na Europa, a doleira Nelma Kodama foi extraditada para o Brasil no último dia 20 de outubro. Quatro dias depois, ela foi transferida para o Complexo da Mata Escura, em Salvador (BA), de acordo com informações do g1. Nelma chegou à Bahia após a decisão da Justiça, e estava custodiada na Superintendência da Polícia Federal.

A polícia brasileira a capturou durante uma operação contra o tráfico internacional de drogas, realizada na cidade de Lisboa, em Portugal. Já na última quinta-feira, 20, Nelma desembarcou no Aeroporto de Salvador. Suspeita de atuar como doleira para o narcotráfico, ela recebeu condenação na Operação Lava Jato.

Junto a Nelma Kodama, cinco pessoas foram presas no decorrer da operação no Brasil. Uma delas foi o ex-secretário estadual de ciência e tecnologia de MT, Nilton Borgato, que tirou licença do cargo para disputar uma vaga de deputado federal.

Anteriormente, em outubro de 2014, Nelma foi condenada, em primeira instância, a 18 anos de prisão por corrupção, evasão de dívidas e organização criminosa. Ela era ex-mulher do doleiro Alberto Youssef.

exclamção leia também