29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

só sucesso - 08/04/2024, 16:30 - Da Redação

Reconhecimento Facial bate marca de 1.500 capturados; saiba mais

ÚIltima prisão aconteceu no domingo (7), na capital baiana

Muitos foragidos já se deram mal através da tecnologia
Muitos foragidos já se deram mal através da tecnologia |  Foto: Jeferson Silva/Ascom SSP

O Sistema de Reconhecimento Facial da Secretaria da Segurança Pública da Bahia alcançou uma marca significativa neste domingo (7): 1.500 foragidos da Justiça foram capturados com a ajuda da ferramenta. Utilizado desde dezembro de 2018, o Reconhecimento Facial teve sua abrangência expandida para outros 77 municípios em 2021.

No fim de semana, a ferramenta alcançou dois procurados por dívida de pensão alimentícia e um homem com mandado de prisão por prática de roubo, na capital baiana.

Grandes eventos

A ferramenta é essencial não apenas em pontos estratégicos, mas também em grandes eventos por toda a Bahia. Além dos locais selecionados pelos especialistas da pasta, a tecnologia é empregada em grandes eventos como o Carnaval, Micaretas, Festival Virada, Festas Juninas, grandes feiras, eventos esportivos e entre outros.

Os pontos permanentes são reforçados por Plataformas de Observação Elevadas, equipadas com centrais móveis. Os veículos ficam estacionados em áreas estratégicas.

Municípios

Além de Salvador, as 1.500 prisões também aconteceram nas cidades de Camaçari, Lauro de Freitas, Pojuca, Simões Filho, Itaparica, Dias D'Ávila, Porto Seguro, Eunápolis, Vitória da Conquista, Itaberaba, Feira de Santana, Santo Estevão, Jequié, Seabra, Mucugê, Vera Cruz, Ibotirama, Capim Grosso, Senhor do Bonfim, Itabuna, Valença, Barreiras, Teixeira de Freitas, Jaguaquara, Irecê, Serrinha, Itamaraju, Nova Fátima e Ilhéus.

Modalidades criminosas

Mais de 80% dos localizados com o auxílio do Sistema eram procurados por homicídio, latrocínio, estupro e tráfico de entorpecentes.

Procurados por prática de roubo ou furto, associação e organização criminosa, porte ilegal de arma de fogo, violência contra mulher e até dívida de pensão alimentícia completam a lista dos presos.

Assista:

exclamção leia também