28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

Prevaricação? - 14/11/2023, 12:01 - Vinicius Viana - Atualizado em 14/11/2023, 12:51

PM se nega a ajudar jovem negro que estava sendo ameaçado com arma

Jovem se aproximou de perfem para pedir ajuda, mas foi afastado com um chute na altura da barriga

PM chuta jovem ao receber pedido de ajuda
PM chuta jovem ao receber pedido de ajuda |  Foto: Reprodução/Redes Sociais

O vídeo que mostra um jovem negro sendo ameaçado por um homem armado, enquanto uma policial militar uniformizada e também armada se recusa a intervir e ainda chuta o jovem, viralizou nas redes sociais, gerando revolta entre os internautas. O caso ocorreu em frente à estação Carandiru, na Zona Norte de São Paulo, no último domingo (12).

Segundo o site Ponte Jornalismo, antes de ser ameaçado com a arma, o jovem foi xingado por outro homem. Em seguida, o rapaz armado entra em cena e uma mulher, que também estava por ali, diz: "Se matar eu vou gravar, porque ele não está armado”. E o homem armado retruca: “Você defende ladrão?"

Uma outra mulher, que acompanhava o homem armado, protegeu o jovem negro com o próprio corpo e pediu que a arma fosse guardada. No local, também estava presente um repórter fotográfico, que filmou o momento e afirmou que o jovem estava sendo ameaçado, mas a agente permaneceu parada, de braços cruzados, alegou que estava de folga e pediu para ligar no 190.

PM nega intervenção e chuva jovem

Em outro trecho da gravação, o jovem se aproxima da policial para pedir ajuda, mas é afastado por ela com um chute na barriga. O repórter questionou a postura da policial, que respondeu: "Se o senhor continuar falando comigo assim, vou te prender". Ela ainda afirmar que não poderia agir naquele momento porque não estava em horário de trabalho e que o procedimento padrão seria acionar uma viatura e ameaça prendê-lo diante dos seus questionamentos.

O que diz o regulamento da PM

O Regulamento Disciplinar da Polícia Militar diz que os policiais devem "atuar onde estiver, mesmo não estando em serviço, para preservar a ordem pública ou prestar socorro, desde que não exista, naquele momento, força de serviço suficiente".

À imprensa, a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo informou que a Polícia Militar apura o caso e trabalha para identificar a pessoa que aparece nas imagens. "Se confirmado, o caso será tratado como transgressão disciplinar grave, já que o comportamento omisso registrado em vídeo não condiz com as expectativas da sociedade e muito menos com as responsabilidades do profissional de segurança pública, que deve agir prontamente sempre que presenciar um crime, estando ou não em serviço", diz a nota.

Veja o vídeo

exclamção leia também