25º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

Alto valor no mercado - 29/11/2023, 17:57 - Acácia Vieira

Neoenergia Coelba adota novas medidas para controlar o roubo de fios

Mais de 20 mil pessoas foram prejudicadas pelo furto de cabos de energia na Bahia

Furto de fios de energia na Bahia prejudica mais de 22 mil pessoas
Furto de fios de energia na Bahia prejudica mais de 22 mil pessoas |  Foto: Divulgação/Neoenergia Coelba

De janeiro a outubro deste ano, a Neoenergia registrou cerca de 1.064 ocorrências de roubos de fios ou equipamentos da rede elétrica na Bahia. Essas ações já prejudicaram mais de 22 mil consumidores, que tiveram o fornecimento de energia suspenso por um período até que a fiação fosse refeita.

Na madrugada desta quarta-feira (29), câmeras de seguranças da região da saúde, em Salvador, flagraram um individuo roubando fios de telefone e de internet. Neste caso, não afetou o fornecimento de energia na região, mas esse tipo de prática geralmente ocasiona em interrupções que prejudicam a todos.

Para reparar os danos provocados pela prática ilegal, mais de 1.700 profissionais da distribuidora precisaram atuar nas ocorrências. Técnicos e Eletricistas, que estariam realizando reforços da rede elétrica ou atendendo outras demandas, são chamados para resolver esses tipos de situação ,ou seja, além dos clientes afetados diretamente pelo furto de cabos, outros milhares de consumidores são prejudicados indiretamente.

Equipamentos que fazem parte da rede elétrica também são furtados pelos criminosos, fazendo com que as tecnologias implantadas no sistema de distribuição, sejam também prejudicadas. A gerente de Desempenho da Neoenergia Coelba, Narah Rank, destacou que diversos estabelecimentos são impactados com o furto dos fios.

“O furto de determinados equipamentos instalados na rede elétrica impossibilita a normalização remota de uma ocorrência. Isto é: um restabelecimento de energia que aconteceria em segundos pode levar horas. Com isso, residências, hospitais, comércios e outros segmentos da sociedade são impactados pelo ato ilegal”.

Para combater a prática, a Neoenergia vem instalando inibidores de acesso, visando impedir que pessoas não autorizadas acessem a rede elétrica. Caixas da rede subterrânea também estão sendo substituídas por materiais chumbados com solda e concreto, o que dificulta a conclusão da ação.

Em parceria com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) a Coelba participou em julho de uma ação da Operação Metallis e conseguiram recuperar cerca de 1,5 toneladas de fios de cobre.

exclamção leia também