29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / segurança pública

Caiu na bala - 18/01/2024, 12:54 - Da Redaçâo

Cabeça cara do PCC, Evaldo Coragem vai de base no sertão da Bahia

Líder da facção criminosa estava sendo procurado com recompensa de R$ 8 mil

Evaldo Coragem era líder do PCC no Ceará
Evaldo Coragem era líder do PCC no Ceará |  Foto: Divulgação/SSP

Um dos líderes da facção Primeiro Comando da Capital (PCC), Evandro Batista Ferreira caiu na bala durante uma operação das Forças Integradas de Combate ao Crime Organizado (FICCOs) Bahia e Ceará, realizada na madrugada desta quinta-feira (18). Conhecido como Evaldo Coragem, o bandido era um dos homens mais procurados do Brasil, com recompensa de R$ 8 mil, e planejava aumentar a atuação do grupo criminoso no sertão nordestino.

Evaldo Coragem liderava o PCC no Ceará, mas havia fugido para a cidade de Juazeiro na tentativa de escapar da polícia. Ele foi encontrado com mais dois comparsas em uma região de zona rural. O trio reagiu a tentativa de prisão e acabou sendo baleado. Eles foram socorridos, mas não resistiram aos ferimentos.

Foram encontrados com eles uma pistola calibre 380, duas espingardas calibres 12 e 20, carregadores, munições e R$ 30 mil em espécie. Todo o material foi apreendido. A ação também contou com o auxílio da Cipe Caatinga, da DPF de Juazeiro, do COPPM, do CPME e da PCCE.

Veja o material encontrado:

Planos para dominar o Nordeste

Foram as ações de inteligência da polícia que apontaram o local onde Evaldo estava escondido. Ele estava agindo friamente na busca pela expansão do PCC no interior dos estados do Nordeste.

Ele estava recrutando novos associados para a facção e pretendia explodir agências bancárias no sertão para conseguir recursos financeiros para tirar seus planos do papel.

Agora, as ações de inteligência das FICCOs Bahia e Ceará vão continuar buscando identificar outros integrantes do grupo criminoso liderado pelo Evaldo Coragem.

exclamção leia também