28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Exclusivo! - 22/11/2023, 12:25 - Cássio Moreira

Vereadores detonam saúde de Feira de Santana: "Está na UTI"

Em papo exclusivo com o Portal MASSA!, Luiz da Feira e Professor Ivamberg soltaram o verbo

Colbert é detonado por vereadores da Princesinha do Sertão
Colbert é detonado por vereadores da Princesinha do Sertão |  Foto: Divulgação

Ponto mais criticado da gestão Colbert Martins (MDB), a saúde de Feira de Santana foi novamente detonada por vereadores da bancada de oposição. Em papo exclusivo com o Portal MASSA!, Luiz da Feira (Avante) e Professor Ivamberg (PT) apontaram os principais problemas da área.

As denúncias de corrupção e a falta de insumos e atenção básica na rede municipal de saúde foram os pontos destacados por Luiz da Feira (Avante), que relatou ainda que todas as demandas acabam caindo no colo dos equipamentos do Estado. Membro da Comissão de Saúde, ele é autor do Projeto de Lei que institui o Dia dos Agentes de Saúde e Endemia.

Aspas

Nossa saúde entrou em colapso

Luiz da Feira

"O povo tem 24 anos sofrendo [...] A pior situação é a da saúde. Nossa saúde entrou em colapso, tenho dois anos falando que a saúde entrou em colapso. Temos duas UPAs do município e uma do estado. Essa UPA do estado vive cheia por vida, e fiz vários vídeos, já cheguei nas do município e não tinha uma pessoa na sala vermelha, não ter uma pessoa internada, e no estado com 30 pessoas internadas", disparou Luiz, que endureceu as críticas.

Imagem ilustrativa da imagem Vereadores detonam saúde de Feira de Santana: "Está na UTI"
Foto: Olga Leiria/Ag. A TARDE

"Não tem remédio, não tem insumo, atrasado o salário dos médicos, três, quatro meses. Não tem programa mais rico do que o SUS, mas ele (Colbert) não sabe operar [...] Temos uma saúde que foi desviada R$ 170 milhões", continuou o vereador.

"É o principal problema de Feira de Santana, porque a saúde está acima de tudo. Você pode ter um pai que tenha um infarto fulminante. Por que? Você tá com uma dor no peito, não tem um cardiologista. Tá com dor cabeça, não tem um neuro, não consegue uma consulta vascular. Não tem prevenção, saúde básica, lá na ponta. Feira é enriquecida, mas não tem atendimento. Se tivesse, não chegava no sinal vermelho no Clériston, não precisaria amputar a perna. Superlotação, e quem sofre é a população. Tá faltando assistência básica", completou o parlamentar.

"Saúde de Feira está na UTI"

"A saúde de Feira de Santana está na UTI". Foi assim que o vereador Professsor Ivamberg (PT) definiu a situação na Princesinha do Sertão, ao receber a equipe do Portal MASSA! no seu gabinete. Além de 'descer a lenha' em Colbert Martins, o parlamentar feirense também lembrou que os problemas na área tiveram início no governo José Ronaldo (União Brasil).

Aspas

A saúde de Feira de Santana está na UTI

Professor Ivamberg

"A saúde de Feira de Santana está na UTI. Sendo o prefeito médico, o que esperávamos aqui de Feira era uma saúde padrão ouro. Acontece que ao longo desse governo dele, isso já vem do governo Zé Ronaldo, a gente vê que isso vem piorando cada vez mais. Hoje eu falei na tribuna - porque o ex-prefeito Zé Ronaldo é réu em um processo de desvio de verbas da saúde -, foram R$ 294 milhões gastos com uma terceirizada. Desse valor, R$ 72 milhões tem suspeita de desvio", disparou o vereador, que ainda denunciou a não execução das verbas de subvenção, que garante o cumprimento do mínimo constitucional.

Imagem ilustrativa da imagem Vereadores detonam saúde de Feira de Santana: "Está na UTI"
Foto: Olga Leiria/Ag. A TARDE

"A saúde em Feira não tem melhorado porque as verbas tem sido desviadas de lá pra cá. Hoje vivemos uma outra manifestação por falta de pagamento. Médicos sem receber, UPA de Humildes três meses sem receber, os pacientes vão às UPAs e não têm atendimento. Não tem insumo, material odontológico, eu coloquei da minha verba ano passado mais de R$ 300 mil, e os materiais não foram comprados. Verba de subvenção faz parte do mínimo constitucional, que é o mínimo que a Prefeitura tem que gastar com Saúde e Educação. Se ele não executa nossas verbas, ele não cumpre o mínimo constitucional, e não cumprir é crime de responsabilidade", detonou o vereador petista, que completou.

"Agora tivemos suspeita de fraude em contratação, porque tivemos várias profissionais técnicas de enfermagem, uma delas me mostrou a carteira eletrônica, e eu pude constatar que ela foi contratada duas vezes como técnica e, da última vez, contratada como auxiliar de saúde bucal, para fugir do piso da enfermagem. Quando denunciamos, a empresa mandou uma explanação dizendo que era séria e não fez isso. Quando a gente puxou o CNIS do funcionário e viu que a pessoas foi contratada duas vezes como técnico e, de repente, como auxiliar bucal. São sucessivos erros, e quem sofre é a população, que tem um serviço péssimo. As UPAs do município não dão o atendimento que deveriam dar, aí superlota a UPA do Cleriston. O preventivo é mais importante que o curativo. E o curativo está na atenção básica, que quem faz é a Prefeitura. A situação da saúde em Feira está muito ruim", fechou.

exclamção leia também