29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Atrativos - 07/11/2022, 14:04 - Louise Batista

Vereador reivindica criação do Roteiro Turístico de Feira de Santana

Silvio Dias, do PT, criticou o descaso da prefeitura com espaços como o Mercado de Arte e feiras livres

Silvio Dias, do PT, criticou o descaso da prefeitura com espaços como o Mercado de Arte e feiras livres
Silvio Dias, do PT, criticou o descaso da prefeitura com espaços como o Mercado de Arte e feiras livres |  Foto: Divulgação

“Sem apoio, não há soluções”. Essa é a avaliação do vereador Silvio Dias (PT) sobre a situação de desvalorização vivenciada pelo Mercado de Arte Popular (MAP) e demais equipamentos de cultura do município de Feira de Santana. O tema foi alvo de debate durante sessão especial realizada na Câmara Municipal, na manhã desta segunda-feira (7).

“O que vemos em Feira de Santana é uma cultura feita à base de resistência, porque não há apoio do Município. Infelizmente, quando chegamos ao nosso Mercado de Arte Popular, o que vemos é uma série de problemas no teto, infiltrações, banheiros sem estrutura adequada. Nos deparamos com uma total falta de cuidado com o mercado. E esse cenário não está restrito apenas ao Mercado de Arte Popular. Cadê a Biblioteca Municipal? O Centro de Abastecimento, as nossas feiras livres, inclusive a Feira da Marechal, deixada em total abandono. É essa falta de cuidado que precisa ser discutida e contar com o apoio dos vereadores governistas para que haja uma intervenção urgente e efetiva”, pontuou o edil.

Diante do cenário degradante que vive não apenas o setor cultural feirense, mas outras áreas como educação, lazer, saúde, dentre outros, o vereador defende a elaboração e execução do “Roteiro Turístico” para valorização da cultura local e fomento ao setor de turismo. “As pessoas que vêm a Feira de Santana, conhecer a nossa cidade, vão para onde? Exclusivamente para o Feiraguai. Feira de Santana se resume, do ponto de vista de quem vem de fora, apenas ao Feiraguai. Não há incentivo para que visitem o mercado de Arte Popular, o Museu Casa do Sertão, o Centro de Abastecimento, as feiras livres, como a Feirinha da Cidade Nova, dentre outras. Não existe incentivo”, lamentou Silvio Dias.

Para o político, a implantação do roteiro de turismo local elevará a cidade à condição de atrativo para visitação, em especial para aqueles que visitam a capital baiana. “Precisamos desse Roteiro para Feira ser uma alternativa a Salvador. Para quem for à capital visitar o Pelourinho, conhecer o Olodum, venha a Feira de Santana prestigiar a nossa cultura”, destacou.

exclamção leia também