29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Papo exclusivo! - 12/03/2024, 08:40 - Cássio Moreira

"Temos que criar uma indignação", brada Jerônimo sobre combate à fome

Governador conversou com exclusividade com o Portal MASSA! sobre sua gestão

Governador adota combate à fome como principal bandeira do governo
Governador adota combate à fome como principal bandeira do governo |  Foto: Olga Leiria/AG. A TARDE

Eleito com o voto de confiança de 4.480.464 eleitores baianos, o governador Jerônimo Rodrigues (PT) afirmou, em conversa exclusiva com o Portal MASSA!, durante visita ao Grupo A TARDE, que o combate à fome continuará sendo o carro-chefe do seu mandato no Palácio de Ondina.

Aspas

Nós temos que criar uma indignação com isso

Questionado sobre os principais pontos dos dois primeiros anos de governo, Jerônimo destacou a luta para erradicar a fome no estado, os investimentos em áreas como educação, saúde, economia verde, e a parceria com prefeituras e com o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

"Eu posso destacar o Bahia sem Fome, não posso abrir mão de dizer que a gente ajudou a mobilização estadual em torno disso. Trazer o tema para o destaque estadual. As pessoas reconhecem que não podemos conviver com pessoas com fome. Eu tenho dito que não podemos celebrar a felicidade completa enquanto houver um baiano ou uma baiana passando fome", iniciou Jerônimo, que ainda fez um chamado para a indignação da sociedade com a fome.

"E aí nós temos que criar uma indignação com isso. Da mesma forma que um pai e uma mãe de um filho autista não tem o devido respeito no tratamento, a fome é tão difícil quanto isso. Então, esse é um destaque que eu tenho como missão maior. Para a gente desenvolver a Bahia, nós temos que enfrentar o problema da fome", reforçou Jero.

Nova Bahia

Jerônimo Rodrigues também destacou o que ele chama de "nova Bahia", com desenvolvimento em diversos aspectos, junto com investimentos do estado e a chegada de investidores de fora, como a montadora chinesa BYD, que vai se instalar em Camaçari.

"Outro destaque é paralelo com isso (combate à fome), que é o conceito da nova Bahia. É uma Bahia presente. A Bahia vai superar em pouco tempo a posição de maior produtor de energia eólica, energia solar e hidrogênio verde, que é o motor de tudo que a gente faz [...] Uma política de descarbonização da economia", afirmou o governador.

"As escolas novas, isso é um conceito de educação diferente, ajuda a gente a puxar a autoestima. A rede de hospitais, como o Einstein. A gente já já está na ponta. Não é só assistência, o hospital está de porta aberta, mas ao lado do Einstein está vindo formação profissional, a gente vai criar um ambiente de ortopedia. Temos também a BYD", continuou Jero, que fechou.

"Existem dois aspectos. Um do combate à fome com agendas estruturantes de emprego, de renda, fortalecimento da agricultura familiar, educação como vetor, e o outro, que não é oposto, é a nova Bahia. Essa parceria com prefeitos e prefeitas. Sabemos que nenhum prefeito vai conseguir sair da sua ação, do seu plano de governo sem a parceria com o governo federal e com o governo do Estado. Eu não também não consigo chegar na ponta se eu não tiver a parceria. Eu não consigo chegar na extremidade sem a parceria com os municípios", finalizou o petista.

exclamção leia também