30º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Olho em 2024 - 03/07/2023, 06:00 - Cássio Moreira

Salvador: Dois de Julho vira ‘prova dos noves’ para 2024

Além do prefeito Bruno Reis (União Brasil), nomes cotados para a disputa pintaram no desfile

Galera arrasta bonde e testa popularidade
Galera arrasta bonde e testa popularidade |  Foto: Betto Jr./Secom PMS/Cássio Moreira/Portal MASSA!

O povo soteropolitano só voltará às urnas em outubro de 2024. O tão aguardado desfile em comemoração ao bicentenário da Independência do Brasil na Bahia, entretanto, foi o primeiro ‘ensaio’ de rua para aqueles que estão de olho na cobiçada Prefeitura de Salvador City.

Um dos primeiros nomes a chegar na Lapinha na manhã deste domingo (2), o presida da Conder, Zé Trindade (PSB), foi recebido aos gritos de “prefeito” por apoiadores e populares. “Esse aqui é o cara das obras”, gritou um ‘trindadista’ animado ao abraçar o possível pré-candidato a prefeito. Questionado pelo Portal MASSA! sobre a tão especulada candidatura, Trindade desconversou: “Não se trata neste momento de situações partidárias ou eleitoreiras. É uma situação que a gente estaria em confronto como nosso momento de independência, de homenagear nossos heróis. Então, este momento é de fortalecer nosso grupo”.

Em conversa com nomes ligados ao governo, o entendimento é que o sinal de fumaça, igualzinho ao do Vaticano, já foi dado, e o titular da Conder já está ungido para assumir o posto de ‘candidato de Lula’. Atualmente filiado ao PSB, o ex-vereador preferiu não comentar sobre uma possível mudança para o PT, como é discutido pela turma ‘na entoca’.

Atual ‘dono do baba’, o prefeito Bruno Reis (União Brasil) também gozou “abraços e beijinhos” no desfile. Tido como candidato natural à reeleição pelo seu grupo político, ‘Kings’ foi tietado da hora que chegou ao cortejo até o desfile. Na sua passagem com o bloco, por sinal, o ‘prefs’ foi tão amassado pelos apoiadores, que foi literalmente arrastado pelo ‘povão’.

Apontado por muitos como uma alternativa na base governista estadual, o deputado federal Antônio Brito (PSD) também compareceu ao desfile e esteve acompanhado de correligionários e aliados. Hoje, o PSD estuda a possibilidade de lançar a candidatura do parlamentar à prefeitura, mesmo que o PT tenho um candidato próprio, como defendem os petistas ouvidos constantemente pela reportagem.

Também ventilado, o vice-governador Geraldo Júnior (MDB) também colocou o ‘bloco na rua’ e foi para os braços do povo. Outros nomes volta e meia cotados para a disputa do próximo ano foram sentir o calor das ruas. Sílvio Humberto (PSB), Lídice da Mata (PSB), Leo Prates (PDT), também especulado para vice de Bruno Kings, e Maria Marighella (PT), nome estudado dentro pelo PT para o Thomé de Souza, embalaram rumo ao Centro Histórico e testaram a popularidade diante do eleitor.

Leia mais

Trindade foge de comentário sobre eleições: "Não é o momento"

"Gosto de vencer nas urnas", diz Prates sobre condenação de Bolsonaro

Sobre uma composição com Bruno no próximo ano, Leo pediu calma e frisou que o momento é de trampo. “Esse é um ano de trabalhar. Todos os cargos que ocupei foi graças à generosidade do povo baiano, de Salvador, de Deus e do meu trabalho [...] Vou trabalhar muito para orgulhar os baianos e soteropolitanos”, pontuou o deputado federal em primeiro mandato.

exclamção leia também