29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Problema com solução - 18/03/2024, 17:05 - Cássio Moreira e Vinicius Portugal

Porta-voz da BYD explana como será o carregamento de carros elétricos

Falta de pontos de carregamento é uma das maiores dúvidas da população quanto aos carros da montadora

Porta-voz da montadora explicou alguns pontos da utilização dos carros elétricos na Bahia
Porta-voz da montadora explicou alguns pontos da utilização dos carros elétricos na Bahia |  Foto: Cássio Moreira/Portal Massa!

O porta-voz da BYD, Alexandre Baldy, que esteve presente na visita ao espaço onde será construída a fábrica da montadora chinesa, no Polo Petroquímico, em Camaçari, nesta segunda-feira (18), revelou que os veículos poderão ser abastecidos com combustível produzido no Brasil. A empresa irá realizar diversos investimentos na Região Metropolitana de Salvador (RMS).

A BYD é uma empresa com carros 100% elétricos, e irá também se utilizar do etanol, combustível menos prejudicial ao meio ambiente, sendo muito menos poluente que a gasolina, por exemplo, algo que foi analisado antes da chegada da montadora chinesa à Bahia.

"Carros híbridos plug-in com a tecnologia Flex-Fuel, quer dizer, poderão ser abastecidos com gasolina, mas também com etanol, aproveitando o etanol brasileiro. E uma realidade do Brasil, e levando essa tecnologia ao mundo, porque certamente a BYD, que é a maior empresa mundial na produção de carros elétricos, conseguirá ser um exemplo, conseguindo fabricar aqui na Bahia um carro 100% verde, com bateria, que pode ser recarregada, e com etanol, que é certamente uma tecnologia brasileira altamente comprometida com o meio ambiente", detalhou Baldy.

Um dos maiores questionamentos das pessoas é onde será possível carregar os carros elétricos da marca, já que a Bahia ainda carece muito em termos de pontos de recarga, porém isso não parece ser um problema para a BYD, que já conta com uma solução para esse B.O.

"Olha, a BYD tem um compromisso com o consumidor, com o cidadão. Ela dá o carregador para todos os consumidores que compram um carro 100% elétrico. Ela tem esse compromisso. O governo da Bahia foi concreto, comprometido com o meio ambiente, dando exceção para os carros elétricos. Quer dizer, a BYD tornou acessível e democrática, o valor dos carros elétricos, que antes eram conhecidos como carros para ricos, hoje não. Hoje é um carro que está aí competindo com os carros mais acessíveis dos modelos brasileiros e cada carro elétrico hoje, o consumidor ganha um carregador para poder instalar na sua casa. Aqui é uma mudança de hábito, é uma mudança de cultura. Você deixa de abastecer no posto de combustível, mas também você deixa de sofrer com o aumento de preços da gasolina, que o brasileiro reconhecidamente vivencia há muitos anos, podendo carregar a bateria da sua casa, com o carro com autonomia de 300, 400, 500, dependendo de cada modelo, até 600 km, podendo dirigir aí com toda tranquilidade. E conveniência de 5 vezes menos de despesas para ter a mesma performance e a mesma autonomia", concluiu o porta-voz.

exclamção leia também