26º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Debandada - 13/08/2023, 11:30 - Vinicius Rebouças

Mais um advogado ‘se sai’ da defesa de Mauro Cid

Ex-ajudante de Bolsonaro tem caso abandonado pela segunda vez

Bernardo Fenelon abandona defesa de Cid após Operação Lucas 12:2
Bernardo Fenelon abandona defesa de Cid após Operação Lucas 12:2 |  Foto: Lula Marques/Agência Brasil

O advogado Bernardo Fenelon deixou a defesa do tenente-coronel Mauro Cid, ex-ajudante de ordem de Jair Bolsonaro (PL). Ele é suspeito de participar de um esquema de desvio e venda de joias dadas ao ex-presidente por autoridades internacionais em missões oficiais.

Fenelon deixou a defesa de Mauro Cid depois que a Polícia Federal ter deflagrado, na última sexta-feira (11), uma operação contra o ex-ajudante de obras e o seu pai, o general Lourena Cid.

Esta é a segunda vez que um advogado deixa a defesa de Mauro Cid. Antes, o advogado Rodrigo Roca deixou o caso, depois que Mauro Cid ter sido preso, em maio deste ano.

Além dos Cid, a operação da PF também teve como alvos outro ex-ajudante de ordens de Bolsonaro, o tenente Osmar Crivelatti, além do advogado Frederick Wassef.

exclamção leia também