28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Problemas no aeroporto - 03/08/2023, 14:01 - João Grassi

Fica pra próxima! Homenagem da Alba para ator José de Abreu é adiada

Artista receberia a maior honraria concedida pela Assembleia: a Comenda 2 de Julho

José de Abreu receberia honraria nesta quinta-feira (3)
José de Abreu receberia honraria nesta quinta-feira (3) |  Foto: Divulgação

O ator José de Abreu iria receber, às 14h30 desta quinta-feira (3), a maior honraria concedida pela Assembleia Legislativa da Bahia (Alba): a Comenda 2 de Julho. Contudo, segundo comunicado da Alba, a sessão precisou ser adiada devido ao fechamento do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, por causa de uma forte neblina.

"O ator chegou a ir para o Aeroporto do Galeão para tentar embarcar, mas os transtornos causados pelo fechamento do Santos Dumont afetaram todos os voos. Como ele está em período de gravação, optamos por remarcar a homenagem a um dos maiores e mais respeitados artistas deste país. Em breve, a ALBA informará a nova data para a homenagem", explica o deputado Zé Raimundo, presidente em exercício da ALBA.

A concessão dessa homenagem ao artista da TV Globo foi uma iniciativa do ex-deputado estadual Marcelino Galo (PT), encampada por Fátima Nunes (PT) na atual legislatura.

Abreu chegou a se manifestar através das redes sociais, alegando problemas com seu voo. O ator criticou a companhia aérea Gol, que ele afirma ter mudado o destino de sua viagem.

Imagem ilustrativa da imagem Fica pra próxima! Homenagem da Alba para ator José de Abreu é adiada
Foto: João Grassi

O ator

José de Abreu nasceu em Santa Rita do Passa Quatro, interior de São Paulo, e fez sucesso por interpretar vários personagens marcantes na teledramaturgia brasileira.

Filiado ao PT, Abreu também é conhecido por suas posições de esquerda no país. Durante o período entre 2018 e 2022, defendeu a democracia brasileira quando o então presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), fez vários questionamentos ao sistema.

exclamção leia também