29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Política

Sem meias palavras! - 28/10/2022, 11:29 - Rafael tiago

Carballal chama ACM Neto de "ditador” e Bruno Reis de "criminoso"

Vereador do PDT diz que prefeito tem atuado de forma “criminosa” e “desumana” com agentes de saúde e que Neto é "aproveitador"

Para Carballal, recursos não faltam para a Prefeitura de Salvador
Para Carballal, recursos não faltam para a Prefeitura de Salvador |  Foto: Rafaela Araújo/ Ag. A Tarde

O vereador de Salvador Henrique Carballal (PDT), coordenador da campanha de Jerônimo Rodrigues (PT) e Geraldo Júnior (MDB) na capital baiana, falou sobre o imbróglio envolvendo prefeitura e agentes comunitários de saúde e de combate às endemias, BRT, multas de trânsito, tributos municipais e eleições em entrevista na manhã desta sexta-feira (28), no programa Isso É Bahia, da rádio A TARDE FM (103.9).

“O que Bruno Reis vem fazendo é criminoso, desumano”, disse o pedetista sobre a maneira como o gestor municipal tem agido para resolver o impasse com os agentes, que pedem que o piso salarial da categoria seja cumprido, conforme a Emenda Constitucional (EC) 120/22, promulgada em 5 de maio.

O vereador do PDT contextualizou o cenário, que envolve o descumprimento da prefeitura em repassar a verba da União para os agentes, sem deixar de manter as gratificações e adicionais do plano de cargos dos servidores municipais.

“Ele [Bruno Reis] nunca passou necessidade na vida. Se tivesse no contracheque dele esse salário [R$ 877 de salário base nível 1 + 122,5% de incrementos, totalizando R$ 1.951 bruto + alimentação e transporte], para sustentar uma família, ele não diria que é [um movimento político]”, alfineta o parlamentar, que criticou seus colegas da situação e elogiou o presidente da casa legislativa. “Ele diz isso porque os agentes reconhecem a firmeza de Geraldo Junior na defesa da categoria, e reconhece em Bruno o oposto”, conclui.

Para Carballal, recursos não faltam para o município. “A prefeitura está com muito dinheiro com a indústria da multa. Eles reduziram o limite de velocidade não para educar a população, mas para arrecadar mais”, disparou o vereador, que chamou o BRT de “vergonha”.

Também foi alvo de crítica o ex-prefeito da cidade e atual candidato a governador, ACM Neto (UB). “Um oportunista que não mostra posição. Político tem que ter lado, posição. Pode até mudar de posição, mas precisa ter”, disse Carballal sobre o fato de o candidato do União Brasil não declarar apoio a nenhum candidato a presidente da República.

“Ele, como ditador poderoso, acha que pode dizer a hora e quando ele quer debater. É triste”, alfinetou Carballal, sobre os pedidos de ACM Neto para que Jerônimo fosse aos debates no segundo turno. “O filho do vaqueiro vai ganhar do filho do coronel”, concluiu.

exclamção leia também