31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Pré-Nordestão - 08/01/2023, 10:54 - Júnior Almeida

Vitória e Jacuipense duelam por vaga na fase de grupos da Lampions

Baianos fazem jogo decisivo no Barradão, neste domingo (8), às 16h

Times jogam a vida na partida deste domingo (8)
Times jogam a vida na partida deste domingo (8) |  Foto: EC Vitória/Divulgação e EC Jacuipense/Divulgação

Neste domningo (8), no momento em que o árbitro apitar o final da partida, haverá uma grande história a ser contada, independentemente de quem seja o vencedor. Às 16 horas, no Barradão, começa uma disputa com requintes de dramaturgia. De um lado, um Vitória combalido nos últimos anos tenta voltar a disputar a fase final da Copa do Nordeste. Do outro, um Jacuipense que busca quebrar a escrita e chegar lá pela primeira vez em toda a sua trajetória.

Maior campeão do torneio, o Rubro-Negro terá, frente a outro clube baiano, a oportunidade de se reafirmar onde já foi rei, já que perdeu envergadura no âmbito local também em confrontos recentes contra o Leão do Sisal.

Nos últimos três duelos, o Jacupa venceu todos, marcou quatro gols e sofreu apenas um. Se o Vitória tem em vista ganhar novamente um prestígio minimizado, o time de Jacuípe quer acelerar seu processo de desenvolvimento, ganhar mais corpo no futebol nordestino e estabelecer de vez uma freguesia contra um gigante do estado.

Inimigos íntimos

Em lados opostos, os baianos são velhos conhecidos e até já utilizaram o mesmo estádio, em um passado recente. Apesar disso, hoje se enfrentam como ‘inimigos íntimos’. Em 2019, por exemplo, firmaram uma parceria para as divisões de base, que foi rompida posteriormente. No mesmo período, o Jacupa treinava na estrutura do Rubro-Negro.

Nos dias atuais, no entanto, treina no Fazendão, CT que era utilizado pelo Bahia, arquirrival do seu adversário de logo mais. Todo esse contexto adiciona um toque de rivalidade ao confronto.

Outra familiaridade com sabor de revanche será o reencontro do zagueiro Kanu, que acertou no último mês seu retorno à equipe de Riachão, com o Rubro-Negro, seu ex-clube. Além dele, há chance de ocorrer o o retorno do atacante Thiaguinho. O jogador de 24 anos também tem passagem recente pelo Vitória e só não jogou a última partida por um problema físico ocorrido durante a preparação.

O último duelo entre os dois Leões ocorreu quase um ano atrás, em jogo válido pela terceira rodada do Baiano. De lá pra cá, muita coisa mudou. Dos jogadores que atuaram na partida de abertura da Pré-Copa do Nordeste com a camisa rubro-negra, nenhum esteve em campo no revés do ano passado. Pelo lado do Jacuipense, cinco permanecem.

São eles William Kaefer, Fábio Bahia e Flávio, além de Welder e Jeam, que marcaram os gols da classificação no último jogo. Eles são as esperanças de gols para o Jacupa e motivo de alerta para o mandante. No comando dos dois times, tudo mudou. João Burse e Jonilson Veloso, recém-contratado pelo Leão do Sisal, serão os maestros de uma sinfonia que terminará triste para um dos lados, já que um voltará para casa eliminado.

Reunidos na classificatória do Nordestão, os dois times tiveram caminhos distintos até o encontro. O Jacupa teve uma partida tranquila contra o Altos-PI e venceu por 4 a 1, no Estádio Valfredão.

Já o Leão da Barra levou emoção ao seu torcedor e marcou o gol da classificação no último minuto, já nos acréscimos, contra o Cordino-MA.O placar de 2 a 1 levantou questionamento quanto à dificuldade do jogo. Sobre essas adversidades, Burse avalia com tranquilidade. “Ansiedade de querer fazer logo o gol, time teve bastante chances, mas não converteu. Acho normal.”, afirmou o comandante.

FICHA TÉCNICA

2ª fase da Pré Copa do Nordeste

Vitória x Jacuipense

LOCAL: Estádio Barradão, em Salvador (BA)

DIA E HORÁRIO: Domingo (8), às 16h (horário da Bahia)

ÁRBITRO: Fábio Augusto Santos Sá Júnior

ASSISTENTES: Rodrigo Guimarães Pereira e Vanessa Santos Azevedo (trio de Sergipe)

Vitória: Dalton; Railan, Marco Antônio, Camutanga e João Lucas; João Pedro, Rodrigo Andrade, Diego Torres e Gegê; Osvaldo e Tréllez. Técnico: João Burse.

Jacuipense: Jean; Raphinha, Kanu, Weverton e Radar; Willian Kaefer, Fábio Bahia e Flávio; Welder, Jeam e William. Técnico: Jonilson Veloso.

exclamção leia também