30º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Vai acabar no tapetão? - 02/11/2022, 16:02 - Everton Santos

STJD adia julgamento do Sport por confusão em jogo com Vasco

O procurador do STJD, Ronaldo Piacente, pediu o adiamento do julgamento e alegou a necessidade de incluir novos fatos ao processo

Torcedores do Sport invadiram gramado da Ilha
Torcedores do Sport invadiram gramado da Ilha |  Foto: Reprodção/SporTV

A definição sobre o G-4 da Série B pode ser definido fora de campo e após a última rodada. Uma vez que o julgamento do Sport por conta da invasão do gramado da Ilha do Retiro, no jogo contra o Vasco, acabou sendo adiado. A decisão da auditora relatora da 4ª Comissão Disciplinar do STJD, Adriene Hassen, saiu nesta quarta-feira. Inicialmente a sessão estava marcada para esta quinta.

"Retiro o presente processo da pauta do dia 03 de novembro de 2022, adiando o seu julgamento para a imediata próxima sessão a ser realizada por esta 4ª Comissão Disciplinar, com comparecimento desta relatora", diz o texto.

O procurador do STJD, Ronaldo Piacente, pediu o adiamento do julgamento e alegou a necessidade de incluir novos fatos ao processo. Entre eles a denúncia do Vasco no artigo 257 (participar de rixa, conflito ou tumulto durante uma partida) e de Halls, goleiro reserva do clube carioca, por agressão.

As denúncias foram acatadas pela auditora relatora. A situação pode ser ruim para o Vasco, que antes havia entrado como terceiro interessado no processo, também será julgado pelo STJD.

A informação do adiamento foi publicada inicialmente pelo canal "Atenção Vascaínos".

O Sport também já havia solicitado o adiamento na última segunda. No Vasco, há o entendimento de que existe um grande movimento para que o processo não seja julgado nesta quinta. Internamente, há o receio de que a nova denúncia interfira diretamente no processo original.

A invasão em campo por parte da torcida do Sport ocorreu no empate por 1 a 1 com o Vasco, na Ilha do Retiro, em 16 de outubro, o Sport foi denunciado em três artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

exclamção leia também