26º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Rugiu alto! - 23/03/2024, 22:33 - João Grassi- Atualizado em 23/03/2024, 22:43

Pega Leão! Vitória broca Fortaleza e segue vivo na Copa do Nordeste

Rubro-Negro vence o time cearense fora de casa e volta pro G-4 do Grupo A

Meia marcou o gol do Leão, de pênalti, em Fortaleza
Meia marcou o gol do Leão, de pênalti, em Fortaleza |  Foto: Victor Ferreira / EC Vitória

Em um jogo movimentado nesta noite de sábado (23), o Vitória venceu o Fortaleza por 1 a 0 em pleno Castelão, pela 7ª rodada da Copa do Nordeste, e voltou ao G-4 do Grupo A. Foi a terceira vitória rubro-negra na competição, sendo a primeira fora de casa.

O gol da partida foi marcado por Matheusinho, aos 34 minutos do segundo tempo. O resultado deixa o Leão vivo pela briga por vaga nas quartas de final do Nordestão, com 11 pontos conquistados, na terceira colocação da chave. Agora, o time baiano vai decidir a classificação diante do Treze, na quarta-feira (27), no estádio Barradão.

PRIMEIRO TEMPO

Mesmo jogando fora de casa, o Vitória começou melhor e foi para o ataque. Logo no primeiro minuto, Matheusinho avançou pela esquerda e cruzou para Osvaldo, mas a defesa do Fortaleza tirou na hora certa.

Aos 10 minutos, o Rubro-Negro conseguiu uma falta e Camutanga soltou um torpedo para uma boa defesa de João Ricardo. No rebote, Alerrandro insistiu e cruzou na área, mas a bola foi desviada e saiu pra escanteio.

O Fortaleza equilibrou o jogo e tentou um lançamento pro ataque aos 14. Zeca afastou mal e sobrou para Marinho, mas o atacante demorou de chutar e perdeu a bola.

O time da casa continuou em cima na reta final do primeiro tempo. Moisés fez boa jogada cortando da esquerda pra dentro e bateu firme, mas Lucas Arcanjo conseguiu espalmar.

De novo Arcanjo! Após bate-rebate na entrada da área, a bola sobrou para Calebe do lado esquerdo. Ele chutou forte e parou no goleiro rubro-negro, que espalmou de novo.

Time rubro-negro jogou com raça e conquistou os três pontos
Time rubro-negro jogou com raça e conquistou os três pontos | Foto: Victor Ferreira / EC Vitória

SEGUNDO TEMPO

O Fortaleza dessa vez começou em cima, buscando o ataque logo no início do segundo tempo. O time cearense tentou uma cobrança de falta e escanteio com Marinho, mas sem muito perigo.

Dudu desceu com perigo pela direita e serviu Pedro Rocha. O lateral passou para receber a tabela, mas o atacante soltou com muita força e jogou direto pra fora.

Aos 11 minutos, o primeiro ataque rubro-negro na segunda etapa. Cruzamento de PK chegou em Alerrandro, que bateu por cima e mandou longe. O Vitória teve mais uma boa chegada aos 25 minutos. Matheusinho partiu em velocidade e abriu para Léo Naldi na direita. O camisa 7 cruzou para o próprio Matheusinho, que cabeceou com perigo.

Só que, aos 31 minutos, o juiz deu pênalti pro Vitória! PK bateu falta na área na direção de Wagner Leonardo, mas Pochettino jogou vôlei e bateu de mão na bola. Na cobrança, Matheusinho fez. 1 a 0.

Após sair na frente, Léo Condé fechou a 'casinha' e anulou o Fortaleza. O time da casa partiu para o ataque, mas não conseguiu criar nenhuma grande oportunidade.

Ainda deu tempo para Luiz Adriano, que entrou no segundo tempo, se envolver em lance polêmico na área. O Vitória pediu outro pênalti, mas o árbitro mandou seguir, porque o assistente assinalou impedimento no lance.

FICHA TÉCNICA
Fortaleza 0 x 1 Vitória
Copa do Nordeste - 7ª rodada
Local:
Castelão, Fortaleza (CE)
Data: 23/03/2024 (sábado)
Horário: 20h30
Transmissão: TV Aratu, DAZN, Nosso futebol
Árbitro: Márcio dos Santos Oliveira (AL)
Assistentes: Maxwell Rocha Silva (AL) e Esdras Mariano de Lima Albuquerque (AL)
Cartões amarelos: Pocchetino (Fortaleza) / Rodrigo Andrade (Vitória)
Gol: Matheusinho (Vitória)

Fortaleza: João Ricardo; Dudu, Kuscevic, Titi e Bruno Pacheco (Escobar); Zé Welison (Pocchetino), Cauan e Calebe; Marinho, Moisés (Machuca) e Pedro Rocha (Lucero). Técnico: Vojvoda

Vitória: Lucas Arcanjo; Zeca, Camutanga (Zapata), Wagner Leonardo e PK; Willian Oliveira, Léo Naldi, Rodrigo Andrade e Matheusinho; Osvaldo (Zé Hugo) e Alerrandro (Luiz Adriano). Técnico: Léo Condé

exclamção leia também