31º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Protesto radical - 14/04/2023, 17:01 - Bruno Dias

Jogador morre após incendiar seu próprio corpo na Tunísia

Nizar Issaoui, jogador amador tunisiano, ateou fogo em si mesmo como forma de protesto contra a polícia

Jogador foi acusado injustamente pelos policiais
Jogador foi acusado injustamente pelos policiais |  Foto: Reprodução Twitter

O jogador de futebol amador, Nizar Issaoui, morreu após não ter resistido as queimaduras em seu corpo causadas por ele mesmo nesta quinta-feira (13) . O tunisiano, de 35 anos, teria cometido tal ato em forma de protesto contra a polícia, que o acusou injustamente de ''terrorismo''.

Pouco antes de cometer o ato, Issaoui postou um vídeo em suas redes sociais contando todo o motivo das suas ações. Ele revelou que foi a delegacia para prestar queixa contra um comerciante, com quem tinha tido uma pequena briga, e os policiais acusaram ele injustamente de ter cometido um ''ato de terrorismo''.

Após relatar o ocorrido, o jogador então ateou fogo contra seu próprio corpo em frente a delegacia, que fica na cidade de Haffouz, na provincia de Kairouan no centro da Tunísia. Ele sofreu queimaduras de terceiro grau e estava sob cuidados médicos desde segunda-feira (10), porém não resistiu aos ferimentos e veio a falecer nesta sexta (14).

O esportista era pai de quatro filhos e tem vasta experiência no futebol do país, colecionando passagens por diversos clubes no futebol Tunisiano, sendo o US Monastir o mais famoso dentre eles, que disputava a elite do campeonato local

Confira o vídeo:

exclamção leia também