25º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Altas manobras - 01/05/2023, 12:04 - Da Redação

Fabrício Bulhões dá um show e é campeão do Circuito Triple Crown

Surfista ilheense fatura mais R$ 3 mil e abre vantagem na corrida pelo título baiano profissional

Depois de três dias de disputas intensas na Praia do Forte, Litoral de Mata de São João, os campeões do circuito de surfe Tivoli Triple Crown foram conhecidos na tarde deste domingo (30). Segundo colocado na primeira etapa e campeão na segunda, Fabrício Bulhões, 26 anos, venceu mais uma vez na praia da Catinguiba e comemorou o título de supercampeão do circuito.

Ele derrotou, na grande decisão, o ‘local’ Ayrton Dylan, e os surfistas de Salvador Erik Moraes e Júnior Camarão, respectivamente. O também local da Praia do Forte e campeão brasileiro de 2015 Bino Lopes, 35, chegou à prova empatado com Bulhões no ranking, mas caiu nas quartas-de-final.

Entre os amadores, Gabriel Guerreiro, 17, da Praia do Forte, foi o grande destaque. Ele venceu a prova na sub-18 e ficou em quarto na local (vencida por seu irmão, Pedro), categoria nas quais também foi supercampeão do circuito. Guerreiro se prepara para disputar, na semana que vem, a abertura do circuito brasileiro amador, no litoral pernambucano.

Catarina Lorenzo, de Salvador, e Davi Lucca, da Praia do Forte, também venceram na etapa e no circuito. Catarina na feminino e Davi na sub-14. Na sub 8, só deu Itacaré. Ian Reis venceu a prova e Gabriel Brito o circuito. Na sub 16 deu Praia do Forte e Ilhéus, com Felipe Guerreiro ficando com o título do circuito e Miguel Cerqueira da etapa.

Na sub-12, o título do circuito ficou empatado entre João Jesus (Itacaré) e Numa Liory (Praia do Forte), que também foi o grande vencedor da prova. Já na sub-10, o vencedor da etapa foi Davi Lucca e o grande campeão do circuito foi João Jesus.

Soberano – Fabrício Bulhões está imbatível na temporada. Das quatro provas profissionais que aconteceram na Bahia neste ano, ele simplesmente venceu três e ficou em segundo em uma. Faturou R$ 12 mil em dinheiro e, através do Tivoli Triple Crown, abre grande vantagem na briga do título baiano profissional deste ano.

Atualmente sem patrocínio, o ilheense explica que todo o dinheiro ganho tem reinvestido em competições. Ele se prepara para competir em duas provas da Taça Brasil neste mês, em Pernambuco e no Rio Grande do Norte. O circuito é qualificatório para definir a elite do surfe brasileiro em 2024. “Estou muito feliz com esse começo de temporada. As coisas têm acontecido e estou muito focado para isso”, celebra.

Imagem ilustrativa da imagem Fabrício Bulhões dá um show e é campeão do Circuito Triple Crown
Foto: Rodrigo Calzone/Divulgação

Bullhões explica que entrar para a elite do surf brasileiro, o Dream Tour, é o seu maior objetivo. Na Praia do Forte ele mostrou muita competitividade e um repertório de manobras modernas, que o fizeram vencer todas as baterias com certa folga. “Me sinto muito à vontade na Praia do Forte, que parece um pouco com as ondas da praia do Havaizinho, em Ilhéus, onde treino constantemente”, compara. Mudei de equipamento, os resultados estão vindo e a cada prova vou dar o meu melhor e fazer o que mais amo, que é surfar”, promete.

O Tivoli Triple Crown é hoje o circuito de surfe mais consistente e com maior premiação no estado da Bahia neste ano. Além de distribuir R$ 30 mil em dinheiro para os profissionais, os atletas das demais categorias ganharam preciosos pontos que definirão os campeões estaduais e vagas para disputa de competições nacionais e premiações em pranchas e em kits com roupas e acessórios.

Mais forte para 2024 - “Estamos atingindo com sucesso o objetivo, que é fazer mais um evento esportivo importante na Praia do Forte, fomentar o surfe na nossa região e proporcionar mais estrutura para os atletas baianos”, pontua o produtor do evento e empresário Alexandre Leal. Ele explica que o Tivoli Triple Crown 2024 já está em fase de elaboração e que terá premiação ainda maior e mais intervalo de tempo entre as etapas.

Premiação extra para o campeão pró – A vitória de Fabrício Bulhões no circuito Tivoli Triple Crown também lhe rendeu o prêmio extra um final de semana no Tivoli Ecoresort, com direito a acompanhante e toda mordomia.

De encontro com a proposta do Tivoli Ecoresort Praia do Forte, de respeito à biodiversidade e à paisagem exuberante do local, o Tivoli Triple Crown tem o objetivo de atrair atletas e suas famílias para incentivar o turismo e a prática do esporte no local.

O Tivoli Triple Crown tem os patrocínios do Tivoli Ecoresort Praia do Forte e da Billabong e apoios da Prefeitura Municipal da Mata de São João, através da Secretaria de Turismo (Setur), do Quintas da Lagoa, do portal waves.com.br, do Projeto TAMAR, da Blue Protetor Solar e da Associação Comercial e Turística da Praia do Forte (Turisforte).

CAMPEÕES DA 3ª ETAPA

Profissional
1) Fabrício Bulhões (CAMPEÃO DO CIRCUITO)
2) Ayrton Dylan
3) Erik Moraes
4) Júnior Camarão

Sub-18
1) Gabriel Guerreiro (CAMPEÃO DO CIRCUITO)
2) Gonçalo Brito
3) Gabriel Leal
4) Felipe Guerreiro

Feminino
1) Catarina Lorenzo (CAMPEÃ DO CIRCUITO)
2) Samira Vitória
3) Dayse Costa
4) Luiza Nunes

Local
1) Pedro Guerreiro
2) Oswaldo Júnior
3) Luiz Fernando
4) Gabriel Guerreiro (CAMPEÃO DO CIRCUITO)

Sub-16
1) Miguel Cerqueira
2) Gonçalo Brito
3) Gabriel Leal
4) Felipe Guerreiro (CAMPEÃO DO CIRCUITO)

Sub-14
1) Davi Lucca (CAMPEÃO DO CIRCUITO)
2) Mauy Miguel
3) Ian Rodrigues
4) Davi Bastos

Sub-12
1) Numa Liory (NUMA E JOÃO CAMPEÕES DO CIRCUITO)
2) João Jesus
3) Davi Lucca
4) Miguel Becker

Sub-10
1) Davi Lucca (CAMPEÃO DO CIRCUITO)
2) João Jesus
3) Rudá Nascimento
4) Ian Vasconcelos

Sub-8
1) Ian Reis
2) Gabriel Brito (CAMPEÃO DO CIRCUITO)
3) Layla Sofia
4) Ceo Cambutte

exclamção leia também