30º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Triunfo e ponta! - 03/03/2024, 18:03 - João Grassi - Atualizado em 03/03/2024, 22:23

Esquadrão vence Jacuipense e termina 1ª fase do Baianão na liderança

Tricolor vai encarar o Jequié na semifinal, com vantagem de jogar a volta na Arena Fonte Nova

Jogadores do Bahia comemoram gol de Ratão
Jogadores do Bahia comemoram gol de Ratão |  Foto: Raphael Muller / Ag. A TARDE

Segue o líder! O Bahia derrotou o Jacuipense por 2 a 0 nesta tarde de domingo (3), e terminou a primeira fase do Campeonato Baiano na ponta da tabela. Com gols de Ratão e Biel, o Tricolor garantiu os três pontos com tranquilidade na Arena Fonte Nova, em Salvador.

Este foi o quarto triunfo seguido do Esquadrão após a derrota no clássico Ba-Vi. O técnico Rogério Ceni optou mais uma vez por rodar o elenco, preservando jogadores importantes como Cauly, Éverton Ribeiro e Thaciano.

Com mais um resultado positivo, o Esquadrão chegou aos 19 pontos, seis duelos vencidos e 15 gols de saldo acumulados após nove rodadas do Estadual. Na semifinal, vai enfrentar o Jequié com a vantagem de ser o mandante na partida de volta.

PRIMEIRO TEMPO

Após um início com algumas chegadas pelos lados, o Bahia conseguiu dessa maneira sair na frente na primeira grande chance. Estupiñán e Cicinho fizeram boa tabela, e o lateral encontrou Rafael Ratão na área. O atacante não desperdiçou e fez 1 a 0 apenas no minuto 6.

O Jacuipense respondeu com Fábio Bahia recebendo um grande passe de Jeam e saindo de cara com Adriel, mas ele finalizou errado e a arbitragem assinalou impedimento depois da batida.

O Bahia seguiu pressionando e subindo a marcação, assim conseguindo outra finalização aos 12. Biel atrapalhou a saída do goleiro Ítalo Pezão e a bola sobrou para Ratão, que bateu e parou na boa defesa do arqueiro do Leão do Sisal.

Aos 17 minutos, o Jacuipense chegou com William. Ele invadiu a área pelo lado direito e bateu forte, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora. Susto do Leão.

O segundo gol do Tricolor quase saiu na sequência. Estupiñán recebeu na área e finalizou, mas foi travado e o rebote sobrou para Ratão, que mandou um chute firme direto pra fora.

No lance seguinte, o centroavante colombiano recebeu novo passe na área e aproveitou bobeira da zaga para tentar o toque por cima, mas o goleiro Pezão conseguiu a defesa após quase deixar o gol vazio.

O Jacupa escapou de novo com William, que fez boa jogada e achou Jeam na ponta direita. Novamente funcionou a linha de impedimento tricolor e o lance, que era perigoso, foi anulado.

O time do interior tentou chegar com uma sequência de três bolas paradas a partir dos 25 minutos, mas a defesa do Bahia conseguiu afastar e não sofreu perigo em nenhum dos lances. Aos 28, Fábio Bahia arriscou de fora e obrigou Adriel a trabalhar, mas o goleirão segurou firme e não deu rebote.

Aos 39 minutos, então, saiu o segundo gol do Bahia. Jeam perdeu a bola ao tentar invadir a área e deu contra ataque para o Tricolor. Biel colocou velocidade pelo lado esquerdo e tabelou com Caio Alexandre, que devolveu para o camisa 11 na área. O atacante limpou Van, bateu no canto e marcou seu primeiro gol na temporada.

Biel marcou seu primeiro gol na temporada
Biel marcou seu primeiro gol na temporada | Foto: Raphael Muller / Ag. A TARDE

Logo em seguida, Biel recebeu passe açucarado de Yago na área e bateu de canhota pelo alto. A bola explodiu caprichosamente no travessão e assustou o goleiro Pezão. Dois minutos depois, dessa vez a combinação foi entre Ratão e Gilberto. O lateral achou Yago na área, mas ele foi bloqueado na hora do chute.

O Jacuipense respondeu com um ótimo lançamento de Pablo Baianinho para a ultrapassagem de William. Ele ia saindo de frente com Adriel, mas o goleiro se antecipou e conseguiu afastar o perigo com o pé.

SEGUNDO TEMPO

Repetindo a boa tentativa dessa vez aos 5 minutos do segundo tempo, Pablo Baianinho tentou lançamento para William sair de cara pra meta do Bahia, mas Adriel novamente conseguiu intervir e dessa vez com mais tranquilidade. O goleiro segurou a bola e saiu jogando.

O Bahia tentou chegar com Rafael Ratão aos 10 minutos. Ele avançou pela direita e cruzou rasteiro, mas a bola foi afastada para escanteio. Na cobrança, a redonda sobrou para ele mesmo na segunda trave, que tentou uma bicicleta e pegou apenas de raspão, sem perigo.

Pablo Baianinho tentou nova enfiada aos 15, agora para Pedro Igor, mas o passe saiu muito forte e Rezende chegou para tomar a bola. O volante sofreu a falta e evitou qualquer risco.

Na sequência, o Bahia respondeu com dois passes em profundidade de Gilberto. O lateral tentou servir Biel e o goleiro Pezão precisou sair do gol. Depois, tocou para Estupiñán e o impedimento foi marcado pela arbitragem.

O Leão do Sisal tentou um lance ousado aos 20. O time saiu tocando bem da defesa e a bola chegou para Marcinho. Mesmo ainda no meio-campo, ele viu Adriel adiantado e tentou finalizar de muito longe, mas errou o alvo.

Aos 22 minutos, Ratão recebeu pela esquerda e quase fez o terceiro. O atacante bateu forte no canto direito de Pezão e a bola desviou, saindo para a linha de fundo.

De novo Pablo Baianinho! O camisa 10 roubou a bola e deu bom passe para Jeam na área. O artilheiro chutoi no canto e exigiu boa defesa de Adriel, mas o lance novamente foi impugnado por impedimento.

Após uma tentativa de cruzamento de Ademir aos 34, que entrou no segundo tempo, o Jacuipense respondeu com um ataque rápido e até marcou o gol com Jeam, mas novamente foi marcado impedimento.

Ademir foi acionado mais uma vez aos 37 minutos. Ele partiu em velocidade após passe de Cicinho e tentou cruzamento rasteiro na área, mas o goleiro Ítalo Pezão se antecipou e afastou o perigo.

Somente aos 45 minutos o Jacuipense conseguiu voltar ao ataque com perigo. Marcinho cruzou rasteiro para o meio da área, mas não achou Pedrinho. A bola passou com perigo e sobrou para o Bahia.

FICHA TÉCNICA
Bahia 2 x 0 Jacuipense
Campeonato Baiano - 9ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, Salvador (BA)
Data: 03/03/2024 (domingo)
Horário: 16h
Transmissão: TVE Bahia e TV Bahêa
Árbitro: Bruno Nogueira Prado
Assistentes: Daniella Coutinho Pinto e Edevan de Oliveira Pereira
Cartões amarelos: Jeam, William e Aisley Victor (Jacuipense)
Gols: Rafael Ratão e Biel (Bahia)

Bahia: Adriel; Gilberto, David Duarte, Gabriel Xavier e Cicinho; Sidney (Rezende), Caio Alexandre (Luciano Juba), Yago Felipe (Caio Roque); Biel (Roger), Rafael Ratão e Estupiñán (Ademir). Técnico: Rogério Ceni

Jacuipense: Ítalo Pezão; Van, Aisley Victor, Éverson (Railan de Jesus / Jhones) e Léo Simas; Fábio Bahia, Mizael, Pablo; William (Pedro Igor), Adriano Michael Jackson (Marcinho) e Jeam. Técnico: Jonilson Veloso

exclamção leia também