28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

oxe oxe oxe - 19/05/2023, 11:40 - Vinicius Rebouças

Defesa de Dani Alves cita "jogo erótico" em pedido de liberdade

Jogador é investigado por estupro e está preso em Barcelona desde 20 de janeiro

Dani Alves tenta novo pedido de liberdade junto à Justiça espanhola
Dani Alves tenta novo pedido de liberdade junto à Justiça espanhola |  Foto: Divulgação | CBF

Os contornos do caso Dani Alves pioram a cada novo episódio. A bola da vez para o jogador preso desde 20 de janeiro, investigado por estupro, é o novo pedido de liberdade impetrado pela defesa dele junto à Justiça espanhola.

Segundo portal UOL, um dos pontos levantados pelos advogados é que nas "imagens gravadas se vê claramente dois adultos desenvolvendo um jogo erótico preliminar ao coito". Esse trecho faz parte do novo recurso de apelação, apresentado no último dia 16 de maio.

O documento diz ainda que "observa-se na denunciante uma conduta abertamente sexualizada, própria de um galanteio sexual em fase de cortejo". E outro trecho vai além da descrição dos atos. "Em algum momento, se vê a jovem colocando-se de costas ao atleta, contorcendo-se e roçando os glúteos em movimento com a zona pélvica do denunciado ao ritmo da música."

o que se vê no vídeo

as imagens das câmeras de segurança estão protegidas por sigilo judicial e expõem a identidade da denunciante. Não podem ser mostradas. No então, o UOL diz que teve ao vídeo e publicou a narrativa das imagens.

As interações entre Daniel Alves e a mulher de 23 anos, captadas pelas câmeras, podem ser divididas em três partes principais: os primeiros minutos na área VIP; os momentos anteriores a que ambos entram no banheiro; e o que acontece depois que eles saem, depois de 15 minutos lá dentro.

Nos primeiros minutos, a denunciante está com duas mulheres na área VIP (uma amiga e uma prima), e as três dançam com Daniel Alves e Bruno Brasil, o amigo que acompanhava o jogador naquela noite.

Nos momentos anteriores à entrada de ambos no banheiro, as três mulheres conversam entre si, de costas para Daniel Alves e Bruno. Pouco depois, Daniel vai até a porta do banheiro privativo. As câmeras não mostram a porta, mas é possível ver os pés de Daniel Alves refletidos em um espelho. A denunciante olha em direção à porta do banheiro pelo menos três vezes antes de ir ao encontro dele. Após cerca de 15 minutos, Daniel Alves sai do banheiro e fica sempre de costas para a porta.

A mulher sai momentos depois, conversa rapidamente com a prima e deixa a área VIP. Já no corredor de acesso da discoteca, as câmeras mostram a mulher e a prima se abraçando e, então, a abordagem do segurança do local.

Nos depoimentos à polícia, os dois falam em atos sexuais nos 15 minutos dentro do banheiro. Enquanto Daniel Alves fala em sexo consensual, a mulher relata que o ato foi forçado — uma lesão no joelho é apontada como prova.

exclamção leia também