27º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Justiça - 17/05/2023, 19:53 - Santiago Oliveira

CPI da Manipulação no Futebol é instalada na Câmara dos Deputados

Ao término de 120 dias, duração do trabalho, é elaborado relatório com as conclusões da CPI ao Ministério Público ou à Advocacia-Geral da União

CPI Manipulação do Futebol
CPI Manipulação do Futebol |  Foto: Mariana Fraga / ge.globo

A CPI da Manipulação no Futebol foi instalada na Câmara dos Deputados depois dos desdobramentos da Operação Penalidade Máxima, conduzida pelo Ministério Público de Goiás, que investiga suspeita de manipulação em jogos de futebol.

A Comissão Parlamentar de Inquérito é composta por 34 titulares e 34 suplentes. Nessa lista, estão nomes como Maurício do Vôlei (PL/MG), ex-jogador da seleção brasileira, e Eduardo Bandeira de Mello (PSB/RJ), presidente do Flamengo entre 2013 e 2018.

O relator da CPI será o deputado Felipe Carreras (PSB/PE), autor do requerimento para a abertura da comissão, que será presidida pelo deputado Júlio Arcoverde (PP/PI). André Figueiredo (PDT/CE), Daniel Agrobom (PL/GO) e Ricardo Silva (PSD/SP) foram eleitos vice-presidentes.

"A gente está lidando com o maior escândalo da história do futebol brasileiro. Toda credibilidade do futebol está em cheque. A gente não sabe se um cartão vermelho ou amarelo, um lateral ou escanteio, ou um pênalti era pra ter acontecido, ou se não foi forjado, comprado e manipulado", disse Felipe Carreras.

Ao término de 120 dias, duração do trabalho, é elaborado relatório com as conclusões da CPI ao Ministério Público ou à Advocacia-Geral da União, a fim de que promovam a responsabilidade civil e criminal dos infratores ou adotem outras medidas legais.

A próxima reunião da CPI acontece no dia 23 de maio e será para a apresentação do plano de trabalho e aprovação dos primeiros requerimentos.

"Vamos ouvir esses que já foram indiciados, inclusive gente que já está presa, jogadores afastados. Acho que dirigentes de clubes, casas de apostas também devem ser ouvidos. A gente precisa entender também como isso já aconteceu no exterior, no próprio campeonato italiano. Então, a CBF, que no final de contas é a entidade máxima do futebol brasileiro, vamos ter que ouvir também. Ou seja, ter que apresentar com riqueza de detalhes, todo o rito, tudo que vai acontecer nos próximos 120 dias", explicou Carreras.

Veja abaixo quem são os integrantes da CPI:

Adail Filho (REPUBLICANOS-AM)

André Figueiredo (PDT -CE)

Augusto Coutinho (REPUBLICANOS-PE)

Aureo Ribeiro (SOLIDARIEDADE-RJ)

Beto Pereira (PSDB-MS - Federação PSDB-CIDADANIA)

Capitão Alberto Neto (PL-AM)

Silveira (MDB-GO)

Daniel Agrobom (PL-GO)

Daniel Freitas (PL-SC)

Delegado da Cunha (PP-SP)

Felipe Carreras (PSB-PE)

Glauber Braga (PSOL-RJ)

José Rocha (UNIÃO-BA)

Julio Arcoverde (PP-PI)

Luciano Azevedo (PSD-RS)

Luciano Vieira (PL-RJ)

Luisa Canziani (PSD-PR)

Mauricio do Vôlei (PL-MG)

Mersinho Lucena (PP-PB)

Paulinho Freire (UNIÃO-RN)

Paulo Azi (UNIÃO-BA)

Ricardo Ayres (REPUBLICANOS-TO)

Ricardo Silva (PSD-SP)

Saullo Vianna (UNIÃO-AM)

Yury do Paredão (PL-CE)

SUPLENTES

Bandeira de Mello (PSB-RJ)

Coronel Ulysses (UNIÃO-AC)

Danilo Forte (UNIÃO-CE)

Delegado Caveira (PL-PA)

Fernando Rodolfo (PL-PE)

Fred Costa (PATRIOTA-MG)

Leur Lomanto Júnior (UNIÃO-BA)

Marcelo Álvaro Antônio (PL-MG)

Prof. Paulo Fernando (REPUBLICANOS-DF)

Samuel Viana (PL-MG)

Wellington Roberto (PL-PB)

exclamção leia também