28º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Xiii...deu merda - 02/12/2022, 18:02 - Pedro Moraes- Atualizado em 02/12/2022, 18:39

Camarões azedam ‘moqueca’ da Seleção Brasileira na Copa

Brasil chegou a finalizar várias vezes no alvo, mas seleção Africana faz história com gol nos acréscimos

O Brasil entrou em campo nesta sexta-feira, 2, no estádio Lusail, para enfrentar Camarões podendo fechar a primeira fase da Copa do Mundo do Qatar 2022 como única seleção com três vitórias em três jogos. Mas só ficou na expectativa.

Pela terceira rodada do Grupo G, o time verde e amarelo viu Epassy se transformar em um verdadeiro ‘paredão’ e Aboubakar marcar nos acréscimos o gol da vitória por 1 a 0.

Com o resultado, a Seleção Brasileira permanece no primeiro lugar do grupo, com seis pontos. Em contrapartida, a seleção africana se despede com quatro pontos, a dois da segunda colocada Suíça.

Na próxima rodada, o Brasil encara a Coreia do Sul, na próxima segunda-feira, 5, às 16h (horário de Brasília), no estádio 974. Um dia depois, a Suíça duela com Portugal, no estádio Lusail, às 16h (horário de Brasília).

Reserva com ‘pegada’ de titular

Na chance de mostrar serviço, os jogadores considerados suplentes apresentaram bom futebol. Com grande ofensividade, Tite promoveu uma equipe compacta e ofensiva. As melhores chances aconteceram com Gabriel Martinelli. Aos 13 minutos, ele cabeceou fime e testou o goleiro Epassy Em seguida, aos 46’, novamente o camisa 26 chegou bem.

Desta vez, o atacante do Arsenal finalizou de fora da área e, novamente, o arqueiro camaronês defendeu a meta. Por outro lado, os Leões Indomáveis chegaram apenas aos 47, com Mbeumo. O meio-campista cabeceou firme para o chão, mas Ederson saltou firme para evitar a abertura do placar.Leia MaisPolêmica: Fifa esclarece gol do Japão e garante bola dentro do campoBrasil pressiona, mas não sai do zero a zero com Camarões

Azedou geral

Da mesma forma que nos 45 minutos iniciais, o Brasil voltou melhor nas investidas ofensivas. Entretanto, de nada valeu ao desejo de manter a invencibilidade, mesmo com a equipe reserva. Isso porque, Tite sentiu a ‘moqueca’ azedar com os camaroneses sedentos pelo triunfo histórico.

Nos acréscimos, aos 46’, o atacante Aboubakar cabeceou entre os dois zagueiros brasileiros e venceu Ederson, após um cruzamento de Mbekeli. Antes disso, os mais de 85 mil torcedores viram Antony chegar aos 12 minutos e testar Epassy, que espalmou para fora. Um minuto antes, Éder Militão arrematou na entrada da área, assim como Gabriel Jesus no minuto 7, que chutou de carrinho, obrigando Epassy a fazer uma grande defesa.

exclamção leia também