29º Salvador, Bahia
previsao diaria
Facebook Instagram
WHATSAPP
Receba notícias no WhatsApp Entre no grupo do MASSA!
Home / Esporte

Vai Brasil! - 01/09/2023, 12:56 - João Grassi

Brasil bate Canadá em jogo emocionante pela Copa do Mundo de basquete

Seleção bateu os canadenses por 69 a 65

Destaque do jogo, Caboclo faz enterrada
Destaque do jogo, Caboclo faz enterrada |  Foto: Divulgação/FIBA

O Brasil está vivo na Copa do Mundo de Basquete! Nesta manhã de sexta-feira (1º), a Seleção derrotou o Canadá, um dos favoritos, pelo placar de 69 a 65. A partida foi realizada em Jacarta, na Indonésia.

A partida foi equilibrada do início ao fim, mas o time do treinador Gustavo de Conti teve uma grande atuação, se impondo logo no início. O quinteto titular da Seleção foi formado por Yago, Georginho, Bruno Caboclo, Léo Meindl e Tim Soares.

Com uma forte defesa e um ataque bem trabalhado, a Seleção venceu por 16 x 13 no primeiro quarto. Caboclo foi o destaque com três tocos e uma bela enterrada.

O segundo período foi o mais difícil para a equipe brasileira, que caiu no ataque e viu Shai Gilgeous-Alexander esquentar na partida. Um dos astros da NBA presentes na seleção canadense, o armador comandou as ações ofensivas. O Canadá terminou o primeiro tempo na frente, com 37x27.

Na volta do intervalo, o Brasil voltou bem e voltar a fechar a porta para as investidas do Canadá. Yago foi o cara do ataque e brilhou, além de Lucas Dias, que entrou e acertou uma bola tripla decisiva. Assim, a Seleção fez 18 a 15 e diminuiu a diferença no placar para 52 a 45.

No último quarto, a Seleção embalou de vez e virou o placar, vencendo o período por 24 a 13 e virando o placar na reta final, que foi marcada por diversas polêmicas de arbitragem, mas que não impediram o Brasil de fechar em 69 a 65.

Bruno Caboclo foi o destaque da seleção brasileira com 19 pontos, 13 rebotes e três tocos.

Agora, a Seleção Brasileira vai à última rodada da segunda fase dependendo apenas de si para avançar às quartas de final. Basta vencer a Letônia no domingo (4), às 6h45 (de Brasília), para seguir no Mundial.

exclamção leia também